???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10281
Tipo do documento: Dissertação
Título: As representações de escola, ensino e aluno nas cartas de Manuel da Nóbrega, José de Anchieta e Antonio Blázquez (1549-1584)
Autor: Faria, Marcos Roberto de 
Primeiro orientador: Toledo, Maria Rita de Almeida
Resumo: Especificar as representações de escola, ensino e aluno a partir das cartas de Manuel da Nóbrega, José de Anchieta e Antonio Blázquez é a preocupação primeira desta dissertação. Nesse caminho, faz-se um cruzamento das informações obtidas das missivas com as Constituições jesuíticas de 1556 e com os Exercícios espirituais de Loyola. Antes de mais, o presente trabalho situa em seu tempo a produção destes documentos jesuíticos e assume o texto dos Exercícios espirituais como um modelo de formação do jesuíta. Daí a importância deste na pesquisa ora apresentada, pois é ele o agente da educação e é dele a interpretação dos fatos e as informações presentes nas cartas. O trabalho assume, ainda, as Constituições como determinações que constroem práticas e representações específicas de escola, ensino e aluno. Nesse sentido, o recorte temporal que se segue é duplo: especifica as representações de escola, ensino e aluno antes e após a chegada das Constituições à América portuguesa. Para tanto, o texto sobre as cartas é apresentado em forma de tópicos de um glossário, através dos quais se podem inferir as representações de escola, ensino e aluno aí presentes. A partir de tais tópicos, especificam-se as representações a que o trabalho se propõe e se demonstra a função importantíssima da chegada das Constituições à América portuguesa e as mudanças que ocorreram, a partir daí, na organização interna das casas e colégios dos jesuítas. Esta é, portanto, a conclusão a que chega a pesquisa, confirmando as transmutações advindas com as Constituições.
Palavras-chave: Educação
Jesuitas
Representação
Século XVI
Nóbrega, Manuel da, Padre, 1517-1570 - Correspondência - Crítica e interpretação
Anchieta, José de, Padre, 1534-1597 - Correspondência - Crítica e interpretação
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAO::HISTORIA DA EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Faria, Marcos Roberto de. As representações de escola, ensino e aluno nas cartas de Manuel da Nóbrega, José de Anchieta e Antonio Blázquez (1549-1584). 2005. 170 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10281
Data de defesa: 30-Aug-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
MarcosFaria.pdf672,4 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.