REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/10555
Tipo: Dissertação
Título: O parlamento paulista e a questão educacional: uma análise dos discursos de Chiquinha Rodrigues (1935-1937)
Autor(es): Reis, Eliana de Jesus
Primeiro Orientador: Toledo, Maria Rita de Almeida
Resumo: Os debates sobre a questão educacional travados na Legislatura Paulista de 1935-1937 são o tema central desta dissertação. É a única legislatura paulista da década de 30 bruscamente interrompida com a decretação do estado autoritário em fins de 1937. Inserida num contexto peculiar, pós-ascensão de Vargas, da eclosão de um movimento armado em São Paulo, em 1932, do surgimento de novos partidos políticos e da elaboração de uma nova Constituição a primeira a conter um capítulo dedicado à questão social , a legislatura paulista que se inicia em 1935 tratou a educação e os temas correlatos de forma relevante, sobretudo como uma maneira de São Paulo recuperar politicamente o espaço de condutor da nação. As análises dos projetos de educação, em debate no Parlamento, são feitas à luz dos conceitos de representação de Chartier e de análise do discurso como proposto por Foucault. Utilizam-se também os conceitos desenvolvidos por Sirinelli para analisar a personagem-chave: Chiquinha Rodrigues. Partindo da leitura dos Anais, apresentam-se os embates travados no Parlamento: a disputa entre priorizar o ensino primário ou superior e a questão do ensino rural, entre outros temas. Analisam-se prioritariamente os projetos de educação defendidos por Chiquinha Rodrigues, uma especialista do campo educacional, estreando na atividade política parlamentar, numa Casa composta, em sua maioria, por homens experientes no jogo político. A defesa inconteste de uma escola específica para o homem rural, preparando-o para o trabalho e para o uso racional dos meios de que dispõem no campo; a questão do estrangeiro, visto como uma ameaça ao país se não nacionalizado pela escola; e a preparação do professor para atuar na escola rural são os temas propostos pela deputada para suprir as lacunas presentes na legislação educacional. Analisa-se também como a Higiene e a Saúde estavam vinculadas a esses projetos, servindo como estratégias de construção de um terreno de consenso
Abstract: The discussion about the educational matters joined at the Paulista Legislature between 1935 and 1937 are the main theme of this essay. The only Paulista legislature of the 30s, abruptly interrupted with the enactment of the authoritarian state in the end of 1937. In a peculiar context, Vargas post rise, the eclosion of an armed movement in São Paulo in1932, the spring up of new political parties and the working up of a new Constitution the first one to contain a chapter dedicated to social issues - , the Paulista Legislature which started in 1935 treated education and correlative themes in a relevant manner, above all as a way of São Paulo getting back its leading role in the nation. The analysis of Educational Projects in discussion at the Parliament are based on Chartier s concepts of representation and discourse analysis as proposed by Foucault. It is also turned to account Sirinelli s concepts of development in order to analyze the main character: Chiquinha Rodrigues. Starting from the reading of the Chronicles, it shows the oppositions joined in the Parliament: the dispute of priority between primary education or higher education; the issue of rural education, among others. It is taken into prior consideration the analysis of educational projects defended by Chiquinha Rodrigues, an expert in education, who started in the parliamentary political activity, in a House composed mostly by men who were experienced in political strategies. The defense of a specific school for rural men, enabling them to work and to the rational use of means avaliable in the country; the issue of foreigners seen as a threat to the country unless they are naturalized by school; training teachers to work in rural education are the topics proposed by the deputy in order to fill in the gaps present in the educational legislation. It is also analyzed how Hygiene and Health are tied to these projects, being suitable as strategies to the bulding up of a consensus field
Palavras-chave: Parlamento paulista
Projetos de educação
Ensino rural
Patriotismo
Nacionalização do estrangeiro
Higiene e saúde inseridos na causa educacional
Rodrigues, Chiquinha -- 1896-1966 -- Analise do discurso
Educacao -- Sao Paulo (estado) -- Historia
Educacao e Estado -- Sao Paulo (estado)
Politica e educacao -- Sao Paulo (estado)
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Reis, Eliana de Jesus. O parlamento paulista e a questão educacional: uma análise dos discursos de Chiquinha Rodrigues (1935-1937). 2006. 120 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10555
Data do documento: 19-Set-2006
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
ElianaDeJesusReis.pdf2,98 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.