???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10589
Tipo do documento: Tese
Título: Intelectuais, padrões de cientificidade e a escola como objeto de estudo: o lugar da produção e a produção do lugar em Luiz Pereira
Autor: Ribeiro, Núbia Ferreira
Primeiro orientador: Freitas, Marcos Cezar de
Resumo: Essa pesquisa discute o trabalho de Luiz Pereira como cientista social. Ele teve um papel especial definindo a escola como objeto da sociologia. Desde a década de 1950 até os anos da ditadura militar o cenário político e também acadêmico foi ocupado com intensos debates sobre o tema desenvolvimento econômico . Políticos e intelectuais brasileiros lutavam por definir a forma do nosso desenvolvimento e através desse processo os sociólogos ostentaram uma nova proeminência política como decorrência de serem, então, considerados aptos a oferecer respostas para crescentes problemas sociais. Quanto mais o tecido social brasileiro se tornava complexo, mais o conhecimento sociológico era considerado adequado para resolver problemas, identificando caminhos para um novo mundo. Esse fato demonstra uma situação peculiar porque ao mesmo tempo um crescente contingente de trabalhadores não encontrava alternativa de trabalho. Conseqüentemente, escrever sobre o desenvolvimento naquele momento significou conectar a sociologia ora com o socialismo, ora com o capitalismo. Essa situação favorável trouxe para a arena de debates o trabalho de Luiz Pereira. Sua sociologia dedicou atenção especial à escola em áreas metropolitanas. Como seguidor de Florestan Fernandes ele construiu um espaço acadêmico próprio. Primeiramente ele considerou a escola como assunto sociológico por excelência, logo após juntou aos seus primeiros estudos o repertório marxista realizando, conseqüentemente, um trabalho profícuo que, ao final, fez sua pesquisa digna de ser reconhecida como fundamental para os nossos atuais estudos sobre desenvolvimento, trabalho e educação
Abstract: This research discusses the Luiz Pereira s work as social scientist. He played a special role defining school as sociologial issue. From 1950 to the years of dictatorship the political and academic scenery was occupied by intense debates about economic development. Brazilian politicians and intellectuals struggled to define the shape of our development and trough this process sociologists boasted a new political prominence due to the fact they were considered able to offer answers for increasing social problems. The more Brazil s social fabric became complex, the more sociological expertise was supposed to solve problems, identifying paths to a new world. This fact shows one peculiar situation because at the same time an enlarged contingency of workers found no place for everybody to work. Thus to write about development in that context meant struggle to conect sociology with socialism or capitalism. This upturn brought to arena of debates the Luiz Pereira s work. His work dedicated special attention to school in metropolitan places. Being a Florestan Fernandes s follower he build his own academic place. Firstly he considered schools as a very important sociological matter, thereafter he joined his previous studies on education with marxist repertoire, achieving, as a consequence, a prolific work that, in the end, made his research worthy to be considered fundamental for our current studies on development, work and education
Palavras-chave: Luiz Pereira
intelectuais
escola
desenvolvimento
marxismo
Luiz Pereira
intellectuals
school
development
marxism
Pereira, Luiz -- 1933-1985 -- Critica e interpretacao
Desenvolvimento economico
Educacao
Trabalho
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Ribeiro, Núbia Ferreira. Intelectuais, padrões de cientificidade e a escola como objeto de estudo: o lugar da produção e a produção do lugar em Luiz Pereira. 2007. 200 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10589
Data de defesa: 23-May-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
nubia.pdf888,72 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.