???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10656
Tipo do documento: Dissertação
Título: Educação: campo de luta - um estudo sobre os congressos do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - APEOESP (1997-2006)
Autor: Silva, Reni Gomes da 
Primeiro orientador: Vicentini, Paula Perin
Resumo: O objetivo desta pesquisa é analisar os temas educacionais discutidos nos Congressos da APEOESP Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo na última década. Trata-se de investigar se o Sindicato tem tido a preocupação de formular políticas educacionais mediante a análise das Resoluções resultantes dos 16º ao 21º Congresso Estadual da APEOESP, realizados entre os anos de 1997 após a promulgação da Lei de Diretrizes e Bases da Educação Nacional e 2006. Os Congressos são as instâncias máximas de deliberação da APEOESP e têm o objetivo de avaliar a situação da entidade, deliberar sobre as metas e as linhas de ação para o período seguinte, fixando as diretrizes a serem adotadas no campo educacional e cultural e promovendo, se for o caso, alterações estatutárias. Esse processo é controlado por aqueles que incorporaram, em seu habitus (na concepção de Pierre Bourdieu), as disposições necessárias para a atividade sindical que, sendo capazes de reconhecer os interesses e objetos em disputa, definem também o que é legítimo para a atuação da entidade. Após o exame do material produzido por seis congressos, foram sistematizados setenta temas em três grandes categorias relativas a diferentes dimensões das políticas educacionais, a saber: organização do trabalho pedagógico na escola; financiamento, gestão e organização do sistema educacional e formação profissional, carreira e condições de trabalho. A análise desse material permitiu concluir que as formulações e proposições melhor elaboradas são aquelas que envolvem a luta por melhores condições de trabalho e de salário e que as políticas educacionais são tratadas como forma de dar respostas ou propor alternativas às medidas implementadas pelos governos estadual e federal do período. Na análise do discurso produzido no âmbito das discussões e da proposição das Políticas Educacionais feitas pela APEOESP, foram utilizados como referenciais teóricos principais a teoria de Pierre Bourdieu sobre o mundo social e as observações de Israel Scheffler sobre a linguagem educacional
Abstract: The aim of this research is to analyze the educational themes which were discussed at APEOESP (Union of Teachers from Official Schools of the State of Sao Paulo) Congresses during the last decade. We intend to investigate if the Union has taken care of the formulation of educational policies through the analysis of the Resolutions that resulted from the 16th to the 21st APEOESP State Congresses, which happened between 1997 (after the promulgation of the Law of Directions and Basis of the National Education) and 2006. The Congresses are APEOESP s maximum instances of deliberation and they have the objective of evaluating the entity s situation and deliberating upon goals and action ways for the following period, assigning directions to be adopted by the educational and cultural fields and, if necessary, promoting statutory alterations. This process is controlled by those who incorporate in their habitus (according to Bourdieu) the necessary dispositions for the union work that, being able to recognize the interests and objects on debate, define what is legal for the entity s acts. After examining the material produced by the congresses, we systemized seventy themes into three big categories related to different dimensions of educational policies: organization of the pedagogical work at school; financing, management and organization of the educational system; professional formation, career and labor conditions. The analysis of this material allowed us to conclude that the best formulations and propositions were those that involved fight for better conditions of work and salary and those where the educational policies are treated as a way to answer or to propose alternatives to actions which were implemented by the state and federal governments. On the analysis of the discourse produced among debates and propositions of Education Policies by APEOESP, we used as theoretical reference Pierre Bourdieu s theories about social world and Israel Scheffler s observations about educational language
Palavras-chave: APEOESP
Sindicalismo docente
Políticas educacionais
Professores paulistas
Congressos educacionais
Teaching union
Educational policies
Teachers from Sao Paulo
Educational congresses
Associacao dos Professores do Ensino Oficial do Estado de Sao Paulo
Sindicatos -- Professores -- Sao Paulo (estado)
Educacao e Estado -- Sao Paulo (estado)
Ensino Médio
Educação de jovens e adultos
Educação especial
Inclusão escolar
High school
Young and adults education
Special education
School inclusion
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Silva, Reni Gomes da. Educação: campo de luta - um estudo sobre os congressos do Sindicato dos Professores do Ensino Oficial do Estado de São Paulo - APEOESP (1997-2006). 2008. 238 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10656
Data de defesa: 31-Mar-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Reni Gomes da Silva.pdf17,66 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.