???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10673
Tipo do documento: Dissertação
Título: Os efeitos da reorganização do ensino fundamental em São Paulo no trabalho docente e nas estratégias familiares (1995-1998)
Autor: Nery, Vanderlei Elias 
Primeiro orientador: Krawczyk, Nora
Resumo: No ano de 1995 têm início o processo de reforma do sistema educacional do estado de São Paulo, na gestão do Governador Mário Covas, que foi denominada Reorganização da Rede Estadual de Ensino. As profundas mudanças na rede estadual de ensino tem como centro: a racionalização dos recursos, a descentralização e a desconcentração. Uma das principais características deste projeto é a separação entre 1ª a 4ª séries e 5ª a 8ª séries, separando assim crianças e adolescentes. Este trabalho pretendeu analisar os efeitos da reorganização quanto às condições de trabalho dos professores e aos impactos causados nas famílias dos estudantes atingidos por ela. As informações colhidas nas entrevistas e nos documentos permitiu constatar que a política da reorganização da rede estadual de ensino provocou mudanças significativas nas condições de trabalho dos professores e nas estratégias das famílias em relação ao envio às escolas e a continuidade dos estudos das crianças e adolescentes. A pesquisa constatou a deterioração do trabalho docente devido ao fechamento de escolas, salas de aula e períodos, diminuição da carga horária das disciplinas, o que gerou aumento de turmas para que estes professores possam completar sua carga horária, em muitos casos duplicando o número de turmas e, portanto, o número de alunos. Este aumento no número de alunos multiplica o trabalho docente pois os professores têm um maior número de provas e trabalhos para corrigir. O trabalho pedagógico também foi afetado, pois a superlotação das salas de aula dificulta o acompanhamento do processo do ensino-aprendizagem dos alunos, inclusive no diagnóstico daqueles alunos com maiores dificuldades. Para as famílias, a separação das escolas de 1ª a 4ª séries e de 5ª a 8ª séries e/ou de 5ª a 8ª séries e de ensino médio, aumentou a distância entre as unidades escolares e as residências, dificultando o acesso das crianças e adolescentes às escolas. Este é um fator que tem contribuído para expor ainda mais os alunos à violência urbana (assaltos, roubos, tráfico de drogas, etc.), como também a perigos antes desconhecidos, por exemplo, atravessar ruas e avenidas perigosas e até linhas de trem
Abstract: 1995 - it starts the process of Reformation on the Educational System in São Paulo, Brazilian state governed by Mario Covas. That process, called Reorganization of Public School System , has as its center the centralization, non-concentration of power and optimizing resource. One of the main feature of that project is the arrangement for separation between Primary school (1st to 4th grade) and Elementary School (5th to 8th grade), what separates children from teenagers that used to study at the same school. This work aimed to analyze effects that Reorganization caused on teachers for their work , and the impact caused on family s students. Interviews and documents provided information that made possible to reveal that the policy of Reorganization on Public School System caused significant changes on teacher s conditions for working, as well as in the strategies that families use to work out for sending their children and teenagers to school and guarantee the continuation of their studies. The research reveals a deterioration on teaching work caused by that project, because it presupposes to close classrooms, periods, even school; and it decreases the number of classes suitable for the subjects, what causes a greatly increase of classes for teachers complete their full schedule, sometimes duplicating the number of classes and therefore, the number of students. That increase in number of students multiplies the teaching work, once teachers have a large number of test and works to make corrections. The pedagogical work was also affected because overcrowded classrooms are difficult to accomplish the teaching learning process and for teachers diagnose students with more difficulties to learn. For family s students, separation between schools - Primary from Elementary or Elementary from High School- became farther the distance from house to school, what creates more difficult the access to school for numerous children and teenagers . That is a factor that contributes to expose even more students to urban violence ( robbery, assault, drug traffic etc.) and also to dangers that were not known before,like crossing dangerous streets and even railways lines
Palavras-chave: política educacional
sistema educacional
políticas públicas
Reforma do ensino - São Paulo (estado)
Ensino fundamental - São Paulo (estado)
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade
Citação: Nery, Vanderlei Elias. Os efeitos da reorganização do ensino fundamental em São Paulo no trabalho docente e nas estratégias familiares (1995-1998). 2000. 89 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2000.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10673
Data de defesa: 30-Mar-2000
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política Sociedade

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
tese_144944.pdf394,55 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.