REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/10694
Tipo: Dissertação
Título: A laicização do ensino: um debate na imprensa de Taubaté-SP acerca do novo modelo republicano de educação (1891-1905)
Autor(es): Silva, Christiane Grace Guimarães da
Primeiro Orientador: Toledo, Maria Rita de Almeida
Resumo: Esta dissertação tem como objetivo analisar as notícias veiculadas na imprensa de Taubaté na passagem dos séculos XIX e XX, acerca do novo modelo de educação propagandeado pelos republicanos especialmente no aspecto referente à laicização do ensino. Circunscrito na perspectiva da História Cultural, apresenta primeiramente as discussões que se estabeleceram, a partir da instalação de um Colégio Americano de Confissão Protestante na cidade em 1890, que trouxe como conseqüência um intenso debate da possível perda da hegemonia católica num momento de laicização do ensino com a proclamação da República. Dois periódicos com posições antagônicas são alvos de análise: O Noticiarista e o Jornal do Povo. Posteriormente apresenta a continuação das discussões sobre a laicização do ensino, incorporando também outras questões relativas à implementação desse novo modelo educacional, como a utilização de novos métodos pedagógicos. Outros dois periódicos são analisados nessa fase: A Verdade e o Taubateano. A escolha da imprensa como fonte de pesquisa justifica-se por ser um espaço de excelência para se compreender a dinâmica da sociedade com relação ao seu modo de pensar e como veículo de formação cultural e moral do povo
Abstract: This work aims to examine the reports in Taubaté press in the passage of XIX to XX century, on the new model of education advertised by Republicans especially with regards to aspect of the teaching laicization. Inside the perspective of Cultural History, this work presents firstly the discussions that were established from the installation of an American College of Protestant Confession in the city in 1890, which brought as a result of an intense debate possible loss of Catholic hegemony at a time of a teaching laicization with the proclamation of the Republic. Two journals with antagonistic positions are targets of analysis: O Noticiarista and Jornal do Povo. Later shows the continuation of discussions on the teaching laicization, incorporating also other issues relating to the implementation of this new educational model, as the use of new teaching methods. Two other journals are reviewed at that stage: A Verdade and O Taubateano. The choice of media as a source of search is justified to be an area of excellence to understand the dynamics of society with respect to their way of thinking and as a vehicle for cultural upbringing and moral of the people
Palavras-chave: Imprensa
Ensino laico
Press
Education
Teaching laity
Educacao -- Taubate, SP -- Historia -- Cobertura jornalistica
Educacao e Estado -- Brasil -- Historia
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade
Citação: Silva, Christiane Grace Guimarães da. A laicização do ensino: um debate na imprensa de Taubaté-SP acerca do novo modelo republicano de educação (1891-1905). 2008. 99 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10694
Data do documento: 30-Set-2008
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: História, Política, Sociedade

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Christiane Grace Guimaraes da Silva.pdf1,85 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.