???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10980
Tipo do documento: Tese
Título: Resolução de problemas: um estudo sobre seu processo evolutivo nos Estados Unidos, na China e no Brasil
Autor: Hsia, Yuk Wah 
Primeiro orientador: Silva, Benedito Antonio da
Resumo: O estudo traz resultados da comunidade de pesquisadores matemáticos e algumas práticas já existentes sobre a estratégia de resolução de problemas, tornando-os acessíveis aos professores, tanto em formação quanto aqueles atuando em salas de aula. Ao expor diferentes pontos de vista sobre essa estratégia de ensino, espera-se proporcionar-lhes uma visão das potencialidades dessa metodologia, permitindo maior abrangência na atuação docente, o que pode contribuir para o desenvolvimento de habilidades e competências matemáticas de seus alunos. Com essa finalidade, foi realizado um estudo bibliográfico que buscou tecer um quadro teórico sobre resolução de problemas com as características inerentes à cultura de três países diferentes: Estados Unidos, China e Brasil. Do primeiro país, procurou-se enfatizar a perspectiva histórica, sem, contudo, deixar de lado a situação do tema sob o ponto de vista da fundamentação da teoria cognitiva. Ao traçar uma visão histórica do tema ao longo do século XX, foram destacadas as contribuições de Polya, Dewey e Krutetskii, apesar de esse último ser de origem russa, proporcionou um grande impulso para a constituição dos estudos nessa área nos Estados Unidos. Foram destacados enfoques sobre o tema quanto à metodologia de ensino e quanto aos resultados de diferentes interpretações da expressão resolução de problemas. É apresentada uma lista de estratégias elaborada por Van de Walle de que os alunos podem lançar mão, quando resolvem problemas. Da China, foi apresentado um breve histórico do ensino da matemática, expondo diversas mudanças nos programas oficiais, para entender a importância dada ao ensino e à aprendizagem dessa disciplina, para alcançar o progresso tecnológico. Foram aqui apresentados alguns resultados da pesquisa de Liping Ma sobre os conhecimentos da Matemática Básica de professores chineses. Procurou-se também mostrar diferenças entre Estados Unidos e China, no que se refere ao entendimento da resolução de problemas. Do Brasil, foram destacados os trabalhos dos grupos nacionais que adotam essa metodologia como linha de investigação, sobretudo os do GTERP da UNESP-Rio Claro, sob a orientação de Onuchic, pioneira na pesquisa sobre desse tema. Esses estudos ensejaram a formação de outros núcleos no país, que desenvolvem trabalhos nessa mesma linha. Os seminários que esse grupo organiza divulgam e discutem pesquisas realizadas a respeito do tema dentro e foram do Brasil. O estudo evidenciou que essa metodologia, sob o ponto de vista teórico-prático, tal como é desenvolvida nos Estados Unidos, é diferente daquela realizada na China. Ficou claro também que os professores chineses, vivenciam a atmosfera do ensino da Matemática no país e abraçam a estratégia. O estudo evidenciou também que os professores de Matemática chineses têm formação aprofundada da Matemática fundamental, o que se reflete na resolução de problemas na sala de aula. No Brasil, apesar de a resolução de problemas ser adotada como linha de pesquisa, ela ficou praticamente restrita aos grupos de pesquisa, pouco chegando às salas de aula
Abstract: The study presents results of the research community and some mathematical practices existing on the strategy of solving problems, making them accessible to teachers, in training and those working in classrooms. By exposing different views on this teaching strategy is expected to provide them with a vision of the potential of this methodology, allowing greater scope in teaching practice, which may contribute to the development of mathematical skills and abilities of their students. For this purpose, we conducted a bibliographic study that sought to weave a theoretical framework on problem solving with the characteristics inherent to the culture of three different countries: the United States, China and Brazil. The first country, sought to emphasize the historical perspective, without, however, neglecting the situation of the topic from the point of view of the grounds of cognitive theory. By tracing a historical theme throughout the twentieth century, were highlighted contributions from Polya, Dewey and Krutetskii, despite the latter being of Russian origin, provided a major boost to the constitution of the studies in this area in the United States. Approaches were highlighted on the topic regarding the teaching methodology and the results of different interpretations of the term problem solving. A list of strategies developed by Van de Walle that students can make use when solving probems. A brief history of mathematics teaching in China was presented, exposing several changes in public programs to understand the importance given to the teaching and learning of this discipline to achieve technological progress. Some results of Liping Ma s research on the knowledge of Basic Mathematics of Chinese teachers are presented. Differences between the U.S.A. and China are showed, with regard to the understanding of problem solving. The work of Brazilian groups that adopt this methodology as a line of research is highlighted, especially the GTERP of UNESP-Rio Claro, under the guidance of Onuchic, a pioneer in research on this topic. These studies gave rise to the formation of other groups in the country, which work along the same lines. The group organizes seminars that disseminate and discuss research conducted on the subject and within Brazil. The study showed that this methodology from the point of view of theory and practice, as developed in the United States is different from that made in China. It also became clear that the Chinese teachers experience the atmosphere of the teaching of mathematics in the country and 'embrace' the strategy. The study also showed that the formation of Chinese mathematics teachers have thorough training in fundamental mathematics, which is reflected in the resolution of problems in the classroom. In Brazil, despite the resolution of problems being adopted as a line of research, it was largely confined to research groups, some coming to classrooms
Palavras-chave: Resolução de problemas
Resolução de problemas nos Estados Unidos e China
Problem solving
Problem solving in the United States and in China
Mathematics teacher training
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::MATEMATICA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Educação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática
Citação: Hsia, Yuk Wah. Resolução de problemas: um estudo sobre seu processo evolutivo nos Estados Unidos, na China e no Brasil. 2013. 197 f. Tese (Doutorado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2013.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/10980
Data de defesa: 16-Dec-2013
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Yuk Wah Hsia.pdf2,88 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.