REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/11266
Tipo: Dissertação
Título: Argumentação e prova na matemática do ensino médio: progressões aritméticas e o uso de tecnologia
Autor(es): Salomão, Paulo Rogério
Primeiro Orientador: Abar, Celina Aparecida Almeida Pereira
Resumo: No primeiro semestre de 2005, ingressei no curso de Mestrado Profissional em Ensino de Matemática na PUC/SP. Neste mesmo ano, iniciava-se o projeto de pesquisa AProvaME, cujos objetivos são: investigar concepções sobre argumentação e prova de alunos adolescentes em escolas do Estado de São Paulo; formar grupos compostos por professores e pesquisadores para elaboração de atividades envolvendo alunos em processos de construção de conhecimento, argumentos e provas em Matemática e o uso de tecnologia e investigar o papel do professor como mediador neste processo. Por fazer parte deste projeto, estruturarei minha dissertação para investigar duas situações. A primeira para verificar em que medida, por meio da mediação do professor e das atividades propostas, é possível engajar os alunos em situações de argumentar, justificar e provar conjecturas sobre Progressões Aritméticas. Na segunda, investigar se o uso de tecnologia pode favorecer a construção de argumentos, justificativas e provas em Progressões Aritméticas pelos alunos. Orientado por essas questões, procurei levantar algumas observações de como deve ser feita a mediação do professor, utilizando atividades de Progressões Aritméticas para engajar os alunos em situações de argumentações, justificativas e provas, bem como qual tipo e como usar as tecnologias disponíveis: em primeiro lugar, percebi a necessidade da mediação do professor a cada término de atividade ou a cada final de um grupo de atividades, fazendo um fechamento, ou seja, propondo que os alunos confrontassem e discutissem, argumentando e justificando suas respostas, para que todos pudessem prosseguir com as atividades seguintes sem comprometimento de suas conjecturas; em seguida, verifiquei que o uso de tecnologia é um incentivo para a realização de atividades em qualquer área do conhecimento, pois os alunos sentem-se motivados por construir figuras geométricas no computador para a resolução de exercícios de Matemática; ao finalizar, com relação ao uso da tecnologia, constatei que nas atividades deste trabalho a utilização de mais uma ferramenta computacional para validação das respostas dos alunos, como o software Excel, poderia complementar os resultados obtidos. Este trabalho fundamentou-se, sobretudo nos nove tipos de tarefas extraídos do texto de Balacheff et al. (2001). A metodologia utilizada foi o experimento de ensino, objetivando sempre um aperfeiçoamento, tanto das atividades, como da interação professor aluno tecnologia. A pesquisa envolveu oito alunos da 1ª série do Ensino Médio do período noturno de uma escola da rede pública estadual
Abstract: In the first term of 2005, I joined the Professional Master s degree on Mathematics Teaching at PUC/SP. In this same year, the research project AProvaME, whose goals are: investigating concepts about argumentation and proofs of teenager students at schools from São Paulo state; structuring groups composed by teachers and researchers in order to elaborate activities involving students in the building process of knowledge, arguments and proofs in Mathematics, the use of technology and the investigating the teacher s role as the mediator of this process. As a part of this project, I will structure my dissertation in order to investigate two situations. The first one to verify to what extent, by the teacher s mediation and by the activities proposed, it is possible to engage students in argument, justification and proof of conjectures about Arithmetical Progressions. On the second one, investigating if the use of technology can favor the building of arguments, justification and proofs in Arithmetical Progressions by the students. Oriented by these questions, I tried to raise some observations of how the teacher s mediation should be done, using activities related to Arithmetical Progressions to engage the students in argument, justifying and proof situations, as well as which type and how to use the technologies available: first of all, I realized the need for the teacher s mediation after each ending of a group of activities, making a closure, or else, proposing to the students that they needed to confront and discuss, giving arguments, justifying their answers, so that everyone could proceed to the following activities without compromising their conjectures; subsequently; I verified that the use of technology is an incentive to the performing of activities in any area of knowledge, because the students feel motivated to build geometrical figures in the computer to solve the Mathematics exercises, concluding, with relation to the use of technology, I noticed that in the activities of this essay the usage of one more computational tool for the validation of students answers, as the Excel software, could complement the results obtained. This essay was based, mainly on the nine types of tasks extracted from Balacheff et al. text (2001). The methodology used was the teaching experiment, always looking for an improvement, not only in the activity, but also in the teacher-studenttechnology interaction. The research involved 10th graders from the evening shift of a State public network school
Palavras-chave: Argumentação e prova na matemática escolar
Padrões e progressões
Educação básica
Tecnologia na educação matemática
Argumentation and proof in school mathematics
Standards and progressions
Elementary education
Technology in the teaching of mathematics
Educacao matematica
Matematica -- Estudo e ensino
Matematica (Ensino medio)
CNPq: CNPQ::CIENCIAS EXATAS E DA TERRA::MATEMATICA
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Educação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática
Citação: Salomão, Paulo Rogério. Argumentação e prova na matemática do ensino médio: progressões aritméticas e o uso de tecnologia. 2007. 133 f. Dissertação (Mestrado em Educação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/11266
Data do documento: 2-Out-2007
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Paulo Rogerio Salomao.pdf1,48 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.