???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12490
Tipo do documento: Dissertação
Título: Idosos diabéticos: acompanhamento de um grupo de diabéticos em uma Unidade Básica de Saúde
Autor: Fernandes, Jéssia Oliveira dos Santos
Primeiro orientador: Lopes, Ruth Gelehrter da Costa
Resumo: A educação em diabetes é parte imprescindível do tratamento do paciente, associado ao controle metabólico adequado, à atividade física e à dieta. O maior nível de conhecimento sobre a doença e suas complicações estão relacionadas a uma melhora da qualidade de vida, com redução do número de crises de hipoglicemia, menor número de internações hospitalares, melhor controle metabólico e maior aceitação da doença. Assim, o objetivo desta pesquisa é analisar a participação de idosos diabéticos em grupos de educação e controle em uma Unidade Básica do Programa Saúde da Família. Utilizou-se para conduzir este estudo a pesquisa descritiva com abordagem quanti-qualitativa, por considerar que este método permite melhor compreensão diabético, tanto em sua complexidade e especificidade quanto em relação à valorização no autocuidado. Os resultados obtidos demonstraram que os idosos diabéticos estão entre 60 a 79 anos (73%), com predominância do sexo feminino (60%), 72% não têm conhecimento da existência de um grupo controle e educação na unidade básica que freqüentam, (33%) referem participar do grupo a mais de 12 anos, (83%) dos pesquisados conhecem a doença, 58% conseguem manter estável a glicemia, 59% referiram outros motivos para não aferirem a glicemia, 93% responderam que fazem uso fazem uso de medicação hipoglicemiante, 65% dos pesquisados não participam de atividades físicas em grupo, 64% costumam controlar o diabetes por meio da dieta, 93% dos pesquisados comparecem as consultas agendadas, 82% dos pesquisados não comparecem as reuniões de grupo controle realizadas pela UBS, 86%, compreendem e seguem as orientações para o controle do diabetes, 60% dos pesquisados participam das reuniões no grupo para aprenderem mais sobre a doença, 64% gostam mais de receber orientações, e 57% dos entrevistados sugeriram a realização de palestras explicando mais sobre a doença. Assim conclui-se que é necessário que haja fortalecimento e ampliação do grupo de educação em diabetes, na referida UBS, com vistas a motivar o paciente e sua família a participarem efetivamente dele, através do qual poderão elaborar e solucionar os problemas decorrentes do diabetes
Abstract: The education in diabetes is indispensable part of the patient's treatment, associate to the appropriate metabolic control, to the physical activity and the diet. The largest knowledge level on the disease and their complications are related the an improvement of the life quality, with reduction of the number of hypoglycemic crises, smaller number of internments hospital's, better metabolic control and larger acceptance of the disease. Like this, the objective of this research is to analyze the diabetic seniors' participation in education groups and control in a Basic Unit of the Program health of the Family. It was used to drive this study the descriptive research with quanti-qualitative approach, for considering that this method allows better understanding diabetic, so much in his/her complexity and specificity as in relation to the valorization in the autocare. The obtained results demonstrated that the diabetic seniors are among 60 to 79 years (73%), with female predominance (60%), 72% don't have knowledge of the existence of a group control and education in the basic unit that you/they frequent, (33%) they refer to participate more than 12 years in the group the, (83%) of those researched they know the disease, 58% get to maintain stable the glycemic, 59% referred other reasons for us not to check the glycemic, 93% answered that you/they make use do use of medication hypoglycemic, 65% of those researched don't participate in physical activities in group, 64% control the diabetes through the diet, 93% of those researched attend the consultations scheduling, 82% of those researched don't attend the group meetings controls accomplished by UBS, 86%, they understand and they follow the orientations for the control of the diabetes, 60% of those researched participate in the meetings in the group for us to learn more on the disease, 64% like more of receiving orientations, and 57% of the interviewees suggested the accomplishment of lectures explaining more on the disease. It is ended like this that is necessary that there are invigoration and enlargement of the education group in diabetes, in referred UBS, with views to motivate the patient and his/her family announce her indeed of him, through which you/they can elaborate and to solve the current problems of the diabetes
Palavras-chave: Diabetes
Idosos
Grupo de Educação e Controle
Diabetes
Senior
Group of Education and Control
Diabeticos
Envelhecimento
Idosos -- Saude e higiene
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Gerontologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia
Citação: Fernandes, Jéssia Oliveira dos Santos. Idosos diabéticos: acompanhamento de um grupo de diabéticos em uma Unidade Básica de Saúde. 2007. 83 f. Dissertação (Mestrado em Gerontologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/12490
Data de defesa: 26-Feb-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Jessia Oliveira dos Santos Fernandes.pdf424,6 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.