???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13741
Tipo do documento: Tese
Título: Sentidos-e-significados de uma professora alfabetizadora, uma intérprete de libras e uma pesquisadora sobre ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa na modalidade escrita
Autor: Cassola, Rosangela Vargas 
Primeiro orientador: Lessa, Angela Brambila Cavenaghi Themudo
Resumo: Partindo da importância da aprendizagem do Português como segunda língua para o Surdo em seu processo inclusivo escolar e também social, ancorados na Teoria Sócio-Histórica-Cultural de Vygotsky (1996, 1997, 2007, 2009, 2010), objetivamos compreender criticamente o processo de ensino-aprendizagem do Português como segunda língua do Surdo. Mais especificamente, objetivamos identificar e compreender os sentidos atribuídos pela professora regente, pela intérprete e pela professora pesquisadora sobre o ensino-aprendizagem de língua portuguesa na modalidade escrita, em um contexto inclusivo. A fim de alcançar nosso objetivo, optamos por desenvolver uma pesquisa crítica de colaboração, considerando que esta oferece importantes princípios para a orientação de estudos que têm como foco a transformação das atitudes da sociedade, de modo geral. Para tanto, realizamos a coleta de dois tipos de dados. Filmamos doze aulas de Língua Portuguesa na turma da qual fazia parte o aluno focal e seis sessões reflexivas de estudo com a professora regente, a intérprete e esta pesquisadora. As filmagens das aulas de Língua Portuguesa ocorreram em um segundo ano do Ensino Fundamental, turma em que estuda o aluno Surdo; trata-se de uma turma inserida em uma escola pública localizada em um pequeno município da região centro-oeste. A cada duas aulas, realizamos uma sessão reflexiva, na qual foram discutidas questões suscitadas pelas aulas gravadas. Os dados foram registrados por meio de gravações em áudio e vídeo, e transcritos; para realizarmos a análise linguístico-discursiva, valemo-nos das categorias da análise da interação e dos tipos de perguntas (SMYTH, 1992; SMYTH, 1989; LIBERALI, 2006; 2010; MAGALHÃES, 2011; NININ, 2013). Como resultado, foi possível verificar os sentidos atribuídos pela professora regente, pela intérprete e pela professora pesquisadora sobre o ensino-aprendizagem de língua portuguesa na modalidade escrita, em um contexto inclusivo, e, ainda, compreender que o processo de ensino-aprendizagem da língua portuguesa na modalidade escrita para o estudante Surdo, mediado pelo ensino do léxico, não promove o letramento
Abstract: Considering the importance of the Deaf learning Portuguese as a second language in their socially inclusive process at school, and also anchored in the Theory Socio-Historical-Cultural of Vygotsky (1996, 1997, 2007, 2009, 2010), we aimed to critically understand the process of teaching and learning of Portuguese as a second language for the Deaf. More specifically, we aim to identify and understand the meanings attributed by the regent teacher, the interpreter and the teacher researcher on the Portuguese language teaching and learning in the written form, in an inclusive context. In order to achieve our goal, we decided to develop a critical collaborative research, as this offers important principles for the guidance of studies focus on the transformation of society s attitudes in general. Thus, two types of data were collected. The filming of twelve Portuguese classes attended by the focal student and six reflective study sessions with the regent teacher, interpreter and this researcher. Filming of Portuguese classes occurred in the second year of primary school, in the class of the Deaf student; it is a class in a public school located in a small town in the Midwest of Brazil. After every two classes, we conducted a reflective session, where issues raised by recorded classes were discussed. Data were recorded by audio and video and then transcribed; to establish the linguistic and discourse analysis, we make use of the categories of interaction analysis and types of questions (SMYTH, 1992; SMYTH, 1989; LIBERALI, 2006; 2010; MAGALHÃES, 2011; NININ, 2013). As a result, it was possible to verify the meanings attributed by the regent teacher, the interpreter and researcher on the Portuguese language teaching and learning in the written form, in an inclusive context and also understand that the process of teaching and learning written Portuguese for the Deaf student, mediated by lexicon teaching, does not promote literacy
Palavras-chave: Surdo
Língua Portuguesa
Libras
Ensino-aprendizagem
Deaf
Portuguese Language
Libras
Brazilian Sign Language (Libras)
Teaching and learning
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Lingüística
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem
Citação: Cassola, Rosangela Vargas. Sentidos-e-significados de uma professora alfabetizadora, uma intérprete de libras e uma pesquisadora sobre ensino-aprendizagem de Língua Portuguesa na modalidade escrita. 2015. 193 f. Tese (Doutorado em Lingüística) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13741
Data de defesa: 13-Jul-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Rosangela Vargas Cassola.pdf1,39 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.