???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14016
Tipo do documento: Dissertação
Título: O uso da LIBRAS no ensino de leitura de português como segunda língua para surdos: um estudo de caso em uma perspectiva bilíngüe
Autor: Moura, Débora Rodrigues 
Primeiro orientador: Lessa, Angela Brambila Cavenaghi Themudo
Resumo: Esta pesquisa vincula-se ao Grupo ILCAE (Inclusão Lingüística em Cenário de atividades Educacionais) e parte da necessidade de mais pesquisas sobre o ensinoaprendizagem de crianças surdas. Ancorada na Teoria Socio-Histórica e Cultural de Vygotsky (1930/1987), tem por objetivo investigar como o significado de um texto escrito em Português pode ser negociado em LIBRAS. O estudo é conduzido em uma perspectiva de bilingüismo, que considera a Língua de Sinais como primeira língua e o Português como segunda língua. A fundamentação teórica discute conceitos da Lingüística Aplicada, tais como linguagem (Bakhtin, 1929) e letramento crítico (Coracini, 2002; Fulgêncio e Liberato, 2003; Leal, 2004; Soares, 2008, entre outros), da Psicologia, como ensino-aprendizagem, desenvolvimento e defectologia (Vygotsky, 1934) e da área de Estudos da Surdez (Ferreira Brito, 1995; Moura, 2000; Perlin, 2001, Fernandes, 2003; Quadros, 2002/2003; Pereira, 2005; Finau, 2006, entre outros). A metodologia de pesquisa aqui adotada é o estudo de caso (Chizzoti, 2006), numa visão de pesquisa qualitativa (Freitas 2003). O estudo foi realizado numa escola municipal da periferia de São Paulo que atende alunos Surdos na Educação Infantil e Ensino Fundamental e teve como participantes focais 11 alunos do 4º ano do Ciclo I e a professora-pesquisadora. Foi analisada uma aula de leitura de Língua Portuguesa como segunda língua e, como resultado, foi possível compreender como ocorre a construção de significados mediados pela LIBRAS em práticas que trazem uma visão bilíngüe de ensino-aprendizagem
Abstract: This paper is vinculated to the ICLAE Group (Linguistic Inclusion in an Educational Activities Scenery) and is dued to the need of further research about the learning and teaching processes of Deaf Children. It is based on Vygotsky s cultural-historical psychology (1930/1987) and aims to investigate how the meaning of a text written in Portuguese can be negotiated in Brazilian Sign Language (LIBRAS). This study is conducted in a perspective of bilinguism, which claims that Sing Language is the first language for Deaf People, and Portuguese is the second. Theoretical background discusses concepts from Applied Linguistics, such as language (Bakhtin, 1929) and critical literacy (Coracini, 2002; Fulgêncio & Liberato, 2003; Leal, 2004; Soares, 2008, among others); from Psychology, like teaching and learning processes, development, and defectology (Vygotsky, 1934), and also from Deafness Studies (Ferreira Brito, 1995; Moura, 2000; Perlin, 2001, Fernandes, 2003; Quadros, 2002/2003; Pereira, 2005; Finau, 2006, among others). The methodology chosen was that of case study (Chizzoti, 2006), in a qualitative research perspective (Freitas 2003). This study was developed in a public school in the outskirts of the city of São Paulo which offers Basic Education to Deaf students. The focal participants were eleven 4th grade students, and the teacherresearcher. A Portuguese as a second language class was analyzed, and, as a result, it was possible to understand how the formation of meanings mediated by LIBRAS can occur, in practices which encompass a bilingual perspective of teaching and learning
Palavras-chave: LIBRAS
Bilinguismo
Criancas surdas -- Linguagem
Lingua brasileira de sinais
Lingua portuguesa -- Estudo e ensino
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Lingüística
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem
Citação: Moura, Débora Rodrigues. O uso da LIBRAS no ensino de leitura de português como segunda língua para surdos: um estudo de caso em uma perspectiva bilíngüe. 2008. 137 f. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14016
Data de defesa: 26-Sep-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Debora Rodrigues Moura.pdf608,23 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.