REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/14128
Registro completo de metadados
Campo DCValorIdioma
dc.creatorLopes, Valéria-
dc.creator.Latteshttp://buscatextual.cnpq.br/buscatextual/visualizacv.do?id=K4207641A2por
dc.contributor.advisor1Celani, Maria Antonieta Alba-
dc.date.accessioned2016-04-28T18:24:13Z-
dc.date.available2010-03-04-
dc.date.issued2009-11-17-
dc.identifier.citationLopes, Valéria. Vale a pena elaborar uma unidade didática?!: percepções de alunos e de uma professora de inglês. 2009. 184 f. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.por
dc.identifier.urihttps://tede2.pucsp.br/handle/handle/14128-
dc.description.resumoO objetivo deste trabalho é compreender se o fato da professora-pesquisadora ter participado da elaboração da unidade didática em estudo poderia trazer contribuições para a aprendizagem dos alunos e também descobrir as razões que poderiam levar a tais contribuições. A importância da presente pesquisa reside na possibilidade de aprofundar o entendimento acerca do papel de uma unidade didática no processo de ensino-aprendizagem de língua inglesa, tanto do ponto de vista do professor quanto dos alunos. Como embasamento teórico, esta pesquisa utiliza, entre outros conceitos, a visão sócio-histórico-cultural de ensino-aprendizagem (Vigotski, 1930/1998, 1934/2005), os Parâmetros Curriculares Nacionais Língua Estrangeira (Brasil, 1998) e critérios para a produção e avaliação de material didático (Cunningsworth, 1984; Graves, 1996, 2000). Metodologicamente, trata-se de um estudo de caso inserido no paradigma qualitativo interpretativista, que se utiliza de questionários, diários reflexivos, entrevistas e da produção final dos alunos, fruto da unidade, para coletar os dados. Os participantes são a professora-pesquisadora e oito alunos de um 1º Ensino Médio de uma escola pública estadual em um bairro do município de São Paulo. Os resultados indicaram que a participação da professora-pesquisadora na elaboração da unidade didática trouxe contribuições, pois fez com que ela se sentisse mais preparada para utilizar o material em sala e a aprendizagem dos alunos fosse conduzida de maneira mais adequadapor
dc.description.abstractThis study aims at understanding if the teacher-researcher s participation in the preparation of the teaching unit in question could bring contributions to students learning at the same time disclosing possible reasons for those contributions. The importance of this research lies in the possibility to clearly comprehend the role of a teaching unit in the English teaching-learning process, from the teacher s and the students point of view. As theoretical bases, this investigation uses, among other concepts, the socio-historical-cultural view of teaching-learning (Vigotski, 1930/1998, 1934/2005), Parâmetros Curriculares Nacionais Língua Estrangeira (Brasil, 1998) and criteria for the production and evaluation of materials (Cunningsworth, 1984; Graves, 1996, 2000). Methodologically, it is a case study within the interpretive qualitative paradigm that for data collection makes use of questionnaires, reflective diaries, interviews and the final production of students resulting from the unit. The participants are the teacher-researcher and eight students from the 1st grade Ensino Médio , of a state school in the city of São Paulo. The results indicated that the teacher-researcher s participation in the preparation of the material brought contributions, as she felt better prepared to use the material in class and consequently the students learning was more adequately conductedeng
dc.description.sponsorshipSecretaria da Educação do Estado de São Paulo-
dc.formatapplication/pdfpor
dc.thumbnail.urlhttp://tede2.pucsp.br/tede/retrieve/29437/Valeria%20Lopes.pdf.jpg*
dc.languageporpor
dc.publisherPontifícia Universidade Católica de São Paulopor
dc.publisher.departmentLingüísticapor
dc.publisher.countryBRpor
dc.publisher.initialsPUC-SPpor
dc.publisher.programPrograma de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagempor
dc.rightsAcesso Abertopor
dc.subjectEnsino-aprendizagempor
dc.subjectLíngua estrangeirapor
dc.subjectElaboração de materialpor
dc.subjectTeaching-learningeng
dc.subjectForeign languageeng
dc.subjectMaterial preparationeng
dc.subjectLingua inglesa -- Estudo e ensinopor
dc.subjectProfessores de ingles -- Formacao profissionalpor
dc.subject.cnpqCNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADApor
dc.titleVale a pena elaborar uma unidade didática?!: percepções de alunos e de uma professora de inglêspor
dc.typeDissertaçãopor
Aparece nas coleções:Programa de Pós-Graduação em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Valeria Lopes.pdf4,41 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.