???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14965
Tipo do documento: Dissertação
Título: A vivência do luto em situações de desastres naturais
Autor: Torlai, Viviane Cristina 
Primeiro orientador: Franco, Maria Helena Pereira
Resumo: Os desastres naturais provocam uma ruptura na vida das pessoas envolvidas, deixando-as subitamente enlutadas; há perdas tanto materiais quanto psíquicas para a população. Eles afetam padrões da comunidade e suas redes de apoio psicossocial, colocando em risco a capacidade de enfrentamento individual e coletivo. Esta pesquisa tem por objetivo analisar a vivência do luto de pessoas que passaram por perdas decorrentes de desastres, especificamente, as inundações na cidade de Blumenau, SC, em dezembro de 2008. Foi realizada no Município de Blumenau, em Santa Catarina, na moradia dos participantes. Participaram desta pesquisa cinco pessoas, maiores de 21 anos, que estiveram presentes na calamidade de 2008 e atualmente residem em moradia provisória ou recebem a renda aluguel e que apresentam laudo de interdição de residência, impossibilitando a família de retornar a ela. Foi realizada uma entrevista semidirigida com pré-estruturação mínima a partir de um roteiro semi-estruturado. Por meio da análise de conteúdo as informações foram discutidas e o processo de luto caracterizado a partir da vivência de evento traumático. Na narrativa dos participantes foi possível identificar o impacto sofrido pelo desastre, a quebra do mundo presumido, a imprevisibilidade da vida, as previsões de futuro, o controle dos acontecimentos e a vulnerabilidade, levando a perda do senso de segurança e proteção. O desastre provocou uma sucessão de perdas, desde as perdas materiais até a perda da identidade psicológica dos indivíduos e da comunidade. Observou-se que luto por desastres é um processo contínuo de elaboração de perdas que exige do enlutado recursos internos e externos para enfrentar a situação traumática. Os recursos de enfrentamento encontrados para suportar os traumas e perdas foi o apoio social, a fé e a religiosidade. Concluir este estudo é abrir caminho para novas reflexões e questionamentos acerca das perdas decorrentes dos desastres, buscando ampliar o olhar para a qualidade da assistência aos sobreviventes, desenvolvendo ações que propiciam a elaboração do processo de luto por desastres
Abstract: Natural disasters cause disruption in the lives of those involved, leaving the suddenly bereaved, there are both material and psychological losses to the population. Affect patterns of community and their network of psychosocial support, placing at risk the ability of individual and collective coping. This study aimed to examine the experience of mourning for people who have suffered losses from disasters, specifically floods in the city of Blumenau, SC, in December 2008. Was held in the city of Blumenau, in Santa Catarina, housing the participants. Five people participated in this survey, over 21 years, who attended the calamity of 2008 and currently reside in temporary housing or receive rental income and presenting award interdiction of residence, making it impossible to return to her family. A semistructured interview was conducted with minimal pre-structuring from a semi-structured. Through content analysis, the information was discussed with the mourning process characterized by the experience of traumatic events. In the narrative of the participants were able to identify the impact on the disaster and the fall in world presumed because the unpredictability of life, forecasts of future control of events and vulnerability, leading to loss of sense of security and protection. The disaster led to a succession of losses, since the material loss to the loss of the psychological identity of individuals and the community. It was observed that mourning for disasters is a continuous process of development of losses that requires the mourner's internal and external resources to cope with the traumatic situation. The coping resources found to support the traumas and losses was social support, faith and religion. Complete this study is to pave the way for new thoughts and questions about the losses resulting from disaster, trying to broaden the look at the quality of care for survivors, developing activities that promote the development of the mourning process by disasters
Palavras-chave: Luto
Desastres naturais
Mourning
Natural disasters
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Torlai, Viviane Cristina. A vivência do luto em situações de desastres naturais. 2010. 136 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2010.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/14965
Data de defesa: 22-Oct-2010
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Viviane Cristina Torlai.pdf966,23 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.