???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15005
Tipo do documento: Dissertação
Título: Possibilidades da psicanálise lacaniana diante da terminalidade: uma reflexão sobre a clínica da urgência
Autor: Baroni, Claudia Sofia Ferrão
Primeiro orientador: Kahhale, Edna Maria Severino Peters
Resumo: O presente trabalho pretende refletir a respeito das possibilidades do atendimento da psicanálise lacaniana diante da terminalidade na clínica de urgência. A proposta de trabalho foi realizar um estudo teórico, a partir de uma prática clínica lacaniana de 15 anos junto a pessoas vivendo o estado terminal do tratamento oncológico. Objetiva-se apontar os principais operadores lacanianos como inconsciente, desejo e estruturação do sujeito, que auxiliam na escuta analítica da história de pessoas vivendo a finitude somática de forma que elas possam reconstruir as cadeias Dignificantes que as constituem como sujeitos singulares. Para ilustrar esta possibilidade de ampliação dos conceitos lacanianos utilizou-se "vinhetas" de casos clínicos, fruto da prática lacaniana da autora. Para fundamentar este trabalho, em um primeiro momento foram escolhidos, além de Freud e Jaques Lacan com suas obras originais, autores que são referência na formação da psicanálise lacaniana e outros que são psicanalistas lacanianos com prática no atendimento a pessoas com câncer e atendimento hospitalar. Depois foram escolhidos alguns autores que são referência nacional e internacional no estudo sobre a morte e terminalidade, fazendo uma descrição do fenômeno da morte. Coloca-se como fundamental escutar o porquê que cada sujeito confere ao seu adoecimento, pois esta explicação lhe atribuirá um sentido subjetivo, possibilitando a construção de uma Dignificação. O inconsciente é atemporal e frente ao aparecimento do Real o tempo passa a ter uma nova dimensão para o sujeito, havendo a precipitação do sujeito do inconsciente O estreitamento do tempo, pode fazer surgir a demanda por dar um significado à vida que se viveu. O que possibilita que a análise ocorra é o manejo da transferência, nos fundamentos éticos dos procedimentos técnicos e no desejo do analista e para que isto ocorra não é necessário um setting ideal. A urgência pode ser vista como uma oportunidade para um novo posicionamento do sujeito diante de suas questões, fazendo com que construa novas saídas para seus impasses subjetivos. Conclui-se que cabe ao psicanalista que se insere na clínica da urgência estar sustentado pelos conceitos da clínica da demanda que precisará ser apresentada em palavras, pois se refere a uma aposta no sujeito, buscando modificar a situação de urgência onde o sujeito está desprovido de palavras, inserindo-o novamente na cadeia significante
Abstract: This work intends to reflect on the possibilities of a Lacanian psychoanalysis treatment facing terminality at a Psychological Urgency Attendance. The proposed work was a theoretical study drawn from 15 years of Lacanian clinical practice with cancer terminally ill patients. It aims to identify the main Lacanian operators such as unconscious, desire and structure of the subject, which help in the analytical hearing of the story of people living a somatic finitude so they can rebuild the signifying chains that constitute them as a unique subject. To illustrate the possibility of expansion of Lacanian concepts it was used the "vignettes" of clinical cases, resulted from the Lacanian practice of the author. To support this work, at first, it was chosen, along with Freud and Jacques Lacan and their original works, authors that are reference for Lacanian psychoanalysis formation and Lacanian psychoanalysis and others who have the practice in caring for people with cancer and hospitalization. Then it was chosen some authors who are national and international reference in the study of death and terminality, making a description of the phenomenon of death. It arises as critical, the listening to the reason that each subject gives to the illness, since this explanation will assign a subjective sense, allowing the construction of a meaning. The unconscious is timeless and in front of the Real time is replaced by a new dimension for the individual, with the precipitation of the unconscious subject. Narrowing of time can give rise to a demand for giving a meaning to the life lived. What enables the analysis to occur is the handling of transference, in the grounds of ethical and technical procedures and the analyst's desire and for this to occur it is not necessary a perfect setting. The urgency can be seen as an opportunity for a new position of the subject towards his own questions, enabling him to build new outlets for his subjective troubles. We conclude that it up to the psychoanalyst who falls within the emergency clinic to be sustained by concepts of the demands of the attendance that will need to be presented in words, because it refers to a bet on the subject, seeking to modify the emergency situation where the subject is devoid of words, by entering him again in the signifying chain
Palavras-chave: Câncer
Clínica da urgência
Terminalidade
Psicanálise lacaniana
Urgency attendance clinic
Terminality
lacanian psychoanalisis
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Baroni, Claudia Sofia Ferrão. Possibilidades da psicanálise lacaniana diante da terminalidade: uma reflexão sobre a clínica da urgência. 2011. 96 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15005
Data de defesa: 6-May-2011
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Claudia Sofia Ferrao Baroni.pdf666,8 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.