???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15032
Tipo do documento: Tese
Título: O caso Piggle e as depressões infantis na psicanálise winnicottiana
Autor: Guizzo, Daniela Céspedes 
Primeiro orientador: Loparic, Zeljko
Resumo: O objetivo desta tese é a análise do caso Piggle como um caso de depressão patológica sob a luz da psicanálise winnicottiana. Os comentários de Winnicott no livro em que o autor relatou as dezesseis consultas realizadas com a paciente foram desenvolvidos com o objetivo de ampliar a discussão teórica sobre o caso. A teoria do amadurecimento orientou a análise do caso como um todo. Para tanto, foram selecionados trechos do relato do caso que evidenciassem as questões teóricas fundamentais para sua compreensão. Desse estudo, pude concluir que o caso Piggle é um caso de depressão patológica. A não sobrevivência dos pais e a necessidade de análise determinaram este diagnóstico. Para tal, foram analisadas questões relacionadas a integração da sua agressividade pessoal, a sua instintualidade, a conquista do estágio edípico e a passagem pelo estágio do concernimento. A análise do caso, assim como o estudo das depressões infantis, permite concluir que a psicanálise winnicottiana contribui para o desenvolvimento do atendimento psicanalítico de crianças. O caso Piggle é um modelo exemplar da clínica psicanalítica winnicottiana com crianças
Abstract: The purpose of this thesis is to analyze the Piggle case as a pathologic depression case in the light of the winnicottian psychoanalysis. The Winnicott s comments, written in the book which title is The Piggle An Account of the Psychoanalytic Treatment of a Little Girl and just after the sixteen consultations with the patient, were developed with the main purpose to amplify the theoretical discussion on the case. The Theory of Personal Maturation oriented the case´s study as a whole. For doing so, there were selected parties of the description of the case that made evident the fundamental theoretical questions for its comprehension. From this study I could infer that the Piggle case is one of the pathologic depression. The incapacity of parent´s survival and the child necessity to make psychoanalytic therapy determined the diagnosis. In this approach there were analyzed questions related to the integration of her personal aggressiveness, her instincts, her conquest of the Oedipal stage and the passage through concerning stage. The case´s analysis and the study of the childhood´s depressions allow us to conclude that the winnicottian psychoanalysis contributes to the development of the children´s psychoanalytic attending. The Piggle case is an instance model of the winnicottian psychoanalytic clinic for children
Palavras-chave: Caso Piggle
Depressões infantis
Psicanálise winnicottiana
Depressão patológica
Winnicottian psychoanalytic clinic
Pathologic depression
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Guizzo, Daniela Céspedes. O caso Piggle e as depressões infantis na psicanálise winnicottiana. 2011. 97 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15032
Data de defesa: 1-Jul-2011
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniela Cespedes Guizzo.pdf611,43 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.