???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15540
Tipo do documento: Tese
Título: Filhos do divórcio: como compreendem e enfrentam conflitos conjugais no casamento e na separação
Autor: Toloi, Maria Dolores Cunha
Primeiro orientador: Souza, Rosane Mantilla de
Resumo: O objetivo deste estudo é investigar como os adolescentes compreendem e enfrentam conflitos conjugais no casamento e na separação. Quarenta e cinco estudantes, pertencentes às camadas médias da população paulistana, entre 13 e 16 anos, participaram da pesquisa qualitativa realizada através de quatro Sociodramas Temáticos sobre conflitos conjugais. Os resultados demonstram que os conflitos interparentais são identificados como fenômenos gerados por características intrínsecas e particulares dos genitores. Os adolescentes não identificam os aspectos interacionais e dinâmicos na construção e manutenção das discórdias, nem mesmo nas demandas da conjugalidade. Os filhos de pais de primeira união não conseguem identificar as dinâmicas dos relacionamentos conjugais e conflitos, enquanto os filhos de pais separados/divorciados/segundo casamento, discriminam estes fatores de acordo com o alto nível emocional dos confrontos identificados por eles. Dentre os temas eliciadores de conflitos, a questão econômica e as práticas educacionais são os mais comuns, sendo que o aspecto financeiro permeia todas as instâncias de escalonamento. O estilo de parentalidade, como mediador de conflitos interparentais, e a interferência de terceiros (avó, empregada, parentes e amigos) também são intensificadores de discórdias. Quanto ao enfrentamento, as respostas dos participantes coincidem com as reações da revisão apresentada por Cummings e Davies (2002), em que o ajustamento de crianças e adolescentes pode ser observado através da atuação dos processos cognitivos e emocionais quando eles tentam alterar o fator de estresse, causado pelos conflitos, através da solução do problema
Abstract: The aim of this study is to investigate how adolescents comprehend and cope with marital conflicts in marriage and separation. Fourty five students of a middle class population of São Paulo, 13-16 years old, have participated of a qualitative research through four Thematic Sociodramas about marital conflicts. The results demonstrate that interparental conflicts are identified as a phenomenon caused by intrinsic and personnel characteristics of the genitors. The adolescents do not identify the inter-relational and dynamic aspects of constructing and maintaining the discords not even the demands of the couple s relationship. The first marriage sons and daughters can not identify the dynamics of the marital relationship and conflicts while those from separate/divorce/second marriages discriminate these factors according to the high level of the emotional confrontation observed by them. Among the themes initiated by conflicts, the economic features and educational practices are the usual ones in which the financial aspects permeate all levels of escalation. The parenting, as a mediator of interparental conflicts, and the interference of others (grandmothers, maids, relatives and friends) also increase disagreements. Concerning how they are coping with conflicts, the answers of the participants agree with the adolescent s reactions according to the review presented by Cummings and Davies (2002) in which the adjustment of children and adolescent can be observed through their cognitive and emotional processes when they try to alter the stress factor caused by conflicts through problem solution
Palavras-chave: Adolescentes
Conflitos conjugais
adolescents
Filhos de pais separados
Separacao (Psicologia)
Conflito marital
Familia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Toloi, Maria Dolores Cunha. Filhos do divórcio: como compreendem e enfrentam conflitos conjugais no casamento e na separação. 2006. 183 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15540
Data de defesa: 20-Oct-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
PCL - Maria Dolores Cunha Toloi.pdf452,43 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.