???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15627
Tipo do documento: Tese
Título: Protocolo de avaliação da intervenção do psicólogo hospitalar: uma contribuição para a sistematização da prática do psicólogo em ambientes médicos
Autor: Leite, Luiz Gonzaga 
Primeiro orientador: Kahhale, Edna Maria Severino Peters
Resumo: Diante da necessitada emergente da promoção de uma sistematização da prática do psicólogo em ambientes médicos, o presente estudo teve como objetivo geral investigar através do Protocolo de Avaliação da Intervenção do Psicólogo Hospitalar, a adequação entre a demanda do paciente hospitalizado e a assistência psicológica prestada ao mesmo. Para tanto, participaram da pesquisa 312 pacientes internados em um hospital particular do município de São Paulo, de ambos os sexos e com idades variam entre 20 e 70 anos, aos quais foram aplicados um questionário de identificação, uma Escala de Resiliência e um Protocolo de Avaliação da Intervenção do Psicólogo Hospitalar. Os instrumentos foram aplicados por seis psicólogos da equipe de Psicologia do hospital em questão, cujo Autor deste estudo é o Coordenador; sendo que, todos receberam treinamento da forma e maneira como deveriam proceder durante a coleta e assistência aos participantes do estudo. Os sujeitos que aceitaram participar da pesquisa em questão assinaram em duas vias o Termo de Consentimento Livre e Esclarecido elaborado de acordo com as determinações previstas na Resolução 196/96 do Conselho Nacional de Saúde. Com relação à demanda do paciente e o tipo de assistência oferecido pelo psicólogo, os dados coletados apontaram para uma dificuldade experimentada por este em discriminar qual paciente realmente necessita de algum tipo de intervenção, uma vez que, os grupos aqui considerados mais preservados, no que se refere ao nível de resiliência e ao índice de manifestações psíquicas e comportamentais, receberam mais cuidados por parte do psicólogo hospitalar do que os demais grupos. Considerando as análises realizadas, podemos argumentar que a utilização o Protocolo de Avaliação da Intervenção do Psicólogo Hospitalar pode auxiliar o psicólogo hospitalar em sua coleta de dados junto ao paciente, uma vez que permite identificar a condição do paciente, no que diz respeito aos fatores protetores característicos da resiliência e, em conseqüência, possibilitar uma assistência psicológica mais adequada à demanda apresentada pelo mesmo. Acreditamos que o Protocolo de Avaliação da Intervenção do Psicólogo Hospitalar apresentado neste estudo possibilita uma importante contribuição para as discussões referentes à necessidade de sistematização da prática do psicólogo em ambientes médicos e firmamos nosso compromisso em continuar aprimorando os resultados levantados neste estudo com o intuito de ampliar as contribuições para a sistematização da prática do psicólogo em ambientes hospitalares
Abstract: Because of the need to promote the systematization for the psychologist's practice in a medical environment, this study s main objective was to investigate through the Protocol for the Evaluation of the Intervention by the Hospital s Psychologist, the normalization between the hospitalized patient's demand and the psychological assistance served to the patient. For this purpose, 312 hospitalized patients of a private hospital from a certain county in São Paulo, of both sexes and ages ranging from 20 and 70 years old, participated by answering a questionnaire for identification, a resilience scale and a Protocol of Evaluation for the Clinical Psychologist's Intervention. The argumentations were applied by six psychologists from the psychology team of the hospital in question, whose author is the coordinator; with each receiving adequate training when collecting and assisting the study's participants. Those who accepted to participate in the research, signed the Term of Free and Clarified Consentment elaborated in accordance to the determinations seen in the Resolution 196/96 from the National Health Group. In regards to the patient's demands and the type of assistance offered by the psychologist, the data collected revealed a difficulty experienced by the psychologist when choosing which patient really needed some type of intervention, since the groups considered to be more reserved according to its resilience level and its psychic and behavioral manifestation, received more care from the clinical psychologist in comparison to the other groups. After contemplating the analysis, it is plausible that the use of Evaluation Protocol of the Clinical Psychologist s Intervention can assist the clinical psychologist to collect the patient's data, since it allows him to identify the patient's condition in regards to the protective factors that are characteristic of their resilience and consequently allowing a more adequate psychological assistance to the demand presented to the patient. We believe the Evaluation Protocol for the Clinical Psychologist's Intervention presented in this study allows an important contribution for the discussion about the necessity to systematize the psychologist's practice in the clinical environment. Our commitment to improve the results gathered in this study has been strengthened, aiming to broaden the contributions for the systematization for the psychologist's practice in a medical environment
Palavras-chave: Protocolo de avaliação
Sistematização da prática
Psicologia hospitalar
Protocol for the evaluation
Hospital s psychologist
Hospitais -- Aspectos psicologicos
Psicologos -- Pratica profissional
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Leite, Luiz Gonzaga. Protocolo de avaliação da intervenção do psicólogo hospitalar: uma contribuição para a sistematização da prática do psicólogo em ambientes médicos. 2007. 105 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15627
Data de defesa: 29-Oct-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luiz Gonzaga Leite.pdf363,46 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.