???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15703
Tipo do documento: Dissertação
Título: A escola de educação infantil como ambiente "suficientemente bom"
Autor: Greco, Claudia 
Primeiro orientador: Loparic, Zeljko
Resumo: Esta pesquisa tem como objetivo analisar a escola de educação infantil como um possível ambiente suficientemente bom , criador de condições favoráveis ao processo de amadurecimento pessoal da criança e conseqüentemente à aprendizagem. Ela tem como referência as proposições sobre a escola maternal e a teoria do amadurecimento pessoal desenvolvidas pelo psicanalista e pediatra inglês Donald Woods Winnicott. Ele sinaliza que a escola maternal tem tarefas em relação ao amadurecimento emocional da mesma forma que a mãe tem e que deve realizar um trabalho psicoprofilático, contribuindo para a saúde mental da criança, necessária para alcançar o estatuto de indivíduo e permitir-lhe o acesso à cultura. Verificamos que o uso da psicanálise no campo da educação, proposto pelo autor, permite ir além da escuta psicanalítica, realizando uma intervenção por meio do manejo das questões escolares, caminhando na direção da integração: do self, dos vários ambientes da criança e do indivíduo com a sociedade. Partindo de duas abordagens pedagógicas que fundamentam as escolas, a construtivista e a não-construtivista, discutiu-se até que ponto a escola de educação infantil pode se constituir em um ambiente suficientemente bom de acordo com a teoria do amadurecimento e sugerimos que algumas condições fossem criadas para se caminhar nesta direção
Abstract: This study aims to examine the school of kindergarten as a possible environment "good enough", creating favorable conditions for the process of ripening the child and consequently learning. It has as reference propositions on the maternal school and the personal maturity theory developed by the English psychoanalyst and pediatrician Donald Woods Winnicott. He indicates that the maternal school has tasks in relation to emotional maturity, same as the mother. And must hold a job psicoprofilatic, contributing to the children s mental health, needed to achieve the individual status and allow his access to Culture. We note that the use of psychoanalysis in education, proposed by the author, allows us to go beyond "listens" psychotherapy, performing an intervention through the management of school issues, moving toward integration: the self, of the variety of children s environments and the individual relations with society. Having two pedagogical approaches underlying the schools as base, the constructive one and the non-constructive, been discussed if school of early childhood education can be in a "good enough" environment according to the theory of ripening and we suggest that some conditions need to be created regarding moving towards this direction
Palavras-chave: Educação infantil
Psicanálise winnicottiana
Escola
Kindergarten
Psychoanalysis winnicottiana
School
Learning
Winnicott, Donald Woods -- 1896-1971
Aprendizagem
Educacao de criancas
Escolas maternais
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Greco, Claudia. A escola de educação infantil como ambiente "suficientemente bom". 2008. 168 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15703
Data de defesa: 28-May-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Claudia Greco.pdf1,22 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.