???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15754
Tipo do documento: Dissertação
Título: Conflitos conjugais: uma leitura a partir da psicologia analítica, tomando como base os tipos psicológicos
Título(s) alternativo(s): Conjugal conflicts: an analytical psychological understanding, based on psychological types
Autor: Gimael, Elizabeth do Rocio Dipp Azevedo 
Primeiro orientador: Faria, Durval Luiz de
Resumo: Esta pesquisa procurou identificar os conflitos em casais que possuem a tipologia Sentimento Extrovertido. Nosso estudo baseou-se na premissa de que não existe um casamento sem conflitos, e que os mesmos ocorrem tanto em casais com tipologias opostas como também nos que possuem a mesma tipologia. Conflitos não se instalam apenas quando os casais têm funções tipológicas opostas, mas também quando apresentam a mesma função dominante. Na revisão de literatura encontramos apenas um estudo que focasse os dois assuntos. Identificamos vários estudos a respeito de conflitos conjugais e poucos relacionados a tipos psicológicos. Considerando que o nosso estudo examinou os conflitos conjugais, a tipologia dos casais e a possível relação entre os conflitos e suas tipologias, a entrevista de profundidade foi considerada um procedimento adequado para abordar essa questão, visto que, a nossa intenção não era realizar um processo terapêutico. O método escolhido para o desenvolvimento da pesquisa foi o qualitativo. Esta constou de dois momentos, no primeiro momento os casais foram selecionados pela tipologia e no segundo, foram realizadas entrevistas com os três casais selecionados, a fim de identificar os conflitos conjugais trazidos por eles, assim como, relacioná-los a tipologia. Esta pesquisa utilizou como instrumento o QUATI (Questionário de Avaliação Tipológica), o qual permitiu selecionar três casais dos vinte e quatro que participaram da primeira fase da pesquisa. Considerando a difícil tarefa de conciliar tipologia e conflito conjugal, após a avaliação dos resultados, discussão dos dados e de uma análise intuitiva, simbólica e conceitual. Concluímos que alguns dos conflitos apresentados pelos casais podem estar ligados a tipologia dos mesmos, mas deixamos uma porta aberta para que novos estudos sejam realizados, com o propósito de aumentar as possibilidades de pesquisa referentes ao tema
Abstract: This research aimed to identify the conflicts experienced by couples that have been characterized with the Extrovert Feeling . Our study was based on the assumption that no marriage can exist without conflicts, and that conflicts occur not only between couples with the opposite typology but also between those with the same typology. Conflicts do not only occur only when casals have the opposite typological functions, but also when they have the same dominant functions. From our review of the literature we only identified one study that focused on the two issues. We identified several studies that considered conjugal conflicts, but very few that related these conflicts to psychological types. Considering that our study examined conjugal conflicts, the typology of couples and the possible relationship between the conflicts and their typology, an iniitial depth interview was considered to be an adequate procedure to approach this question, given that we did not intend to undertake a therapeutic process. We adopted a qualitative approach to this research, which consisted of two moments. During the first moment we identified the typology of the couples and during the second moment, three couples were selected and interviewed in order to investigate the conjugal conflicts they identified, and to relate these conflicts to their typology. The instrument used for this research was QUATI (Questionnaire to Evaluate Typology), which enabled us to select three couples from the twenty four couples who participated during the first stage of the research. Considering the difficult task of reconciling typology and conjugal conflicts, after evaluating the results and the data obtained and performing an intuitive, symbolic, conceptual analysis, we concluded that some conflicts reported by the couples could be related to their typology, but we understand that other studies need be undertaken in order to obtain more conclusive evidence
Palavras-chave: Conflitos conjugais
Tipos psicológicos
Conjugalidade
Quati (Questionário de Avaliação Tipológica)
Conjugal conflicts
Psychological types
Marriage
Couples
Quati (Questionnaire to Evaluate Typology)
Casais -- Psicologia
Casamento -- Aspectos psicologicos
Conflito marital
Tipologia (Psicologia)
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Gimael, Elizabeth do Rocio Dipp Azevedo. Conjugal conflicts: an analytical psychological understanding, based on psychological types. 2008. 258 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15754
Data de defesa: 17-Oct-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Elizabeth do Rocio Dipp Azevedo Gimael.pdf932,57 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.