???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15809
Tipo do documento: Tese
Título: Um estudo sobre a teoria winnicottiana da sexualidade
Autor: Dias, Maria de Fatima
Primeiro orientador: Loparic, Zeljko
Resumo: O objetivo desta pesquisa foi realizar um estudo sobre a teoria winnicottiana da sexualidade. A partir de uma prospecção na obra de Winnicott, buscou-se apresentar a teoria do amadurecimento humano, enfatizando a importância dos cuidados ambientais na constituição da sexualidade humana, notadamente nos primórdios da vida do ser humano. Apontou-se a constituição da sexualidade como decorrência do processo de amadurecimento pessoal. O trabalho aborda a constituição da sexualidade no interior do processo de amadurecimento pessoal, apontando os aspectos presentes nos estágios de dependência absoluta e dependência relativa, até a fase de independência relativa. O ponto de partida deste estudo foi o da teoria da sexualidade de Freud. A partir dos elementos da teoria freudiana da sexualidade, foram destacados os elementos que compõem a teoria winnicottiana da sexualidade, delimitando as diferenças teóricas entre os dois autores. Este estudo aponta as críticas de Winnicott à teoria freudiana da sexualidade, salientando o desacordo desse autor em relação ao pensamento freudiano. Também aponta as críticas de alguns outros autores sobre os componentes da teoria freudiana da sexualidade. Esta pesquisa mostrou que Winnicott construiu uma teoria da sexualidade totalmente diferente da teoria proposta por Freud, o que indica uma nova perspectiva para o estudo da sexualidade humana: a impossibilidade de se compreender a sexualidade a partir de elementos especulativos. Além disso, este estudo indica que o processo de amadurecimento humano não é conduzido pela sexualidade: Winnicott abandona uma perspectiva libidinal em favor de uma abordagem desenvolvimental, a qual inclui elementos sexuais e não-sexuais. Finalmente, a partir de uma reflexão sobre o pensamento winnicottiano acerca da teoria da sexualidade, foram apontados alguns aspectos a serem considerados nas questões da sexualidade humana, especialmente na forma como surgem na clínica
Abstract: The purpose of this research was to perform a study about Winnicott´s sexuality theory. From a deeper view of Winnicott´s work, a human maturity theory is presented, stressing the importance of environmental cares to the development of human sexuality, specially in the first years of the human being. The development of sexuality is stressed as a result of the personal maturity process. This paper addresses the development of sexuality from the inside of the personal maturity process, stressing the aspects presents in the stages of absolute dependency and relative dependency, until the relative independence stage. The starting point of this research was Freud´s sexuality theory. With Freud´s sexuality theory elements, it is hereby stressed the elements that compose Winnicott´s sexuality theory, setting boundaries on the theorical differences between the two authors. This paper reveals Winnicott´s criticism to Freud´s sexuality theory, stressing the disagreement of this author with regards to Freud´s thought. It also discloses the criticism of some other authors with regards to Freud´s sexuality theory components. This research discloses that Winnicott organized a sexuality theory completely different from the theory proposed by Freud, which reveals a new perspective for the study of human sexuality: the impossibility of understanding sexuality from theorical elements. Besides, this research shows that human maturity process is not conducted by sexuality: Winnicott abandons the libido perspective in favor of a development approach, which includes both sexual and non-sexual elements. Finally, considering Winnicott´s thought regarding the sexuality theory, some aspects were stressed to be considered in the human sexuality framework, specially in the form how they appear at the clinical practice
Palavras-chave: Comportamento sexual
psicanálise winnicottiana
teoria da sexualidade
psicanálise freudiana
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO HUMANO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Dias, Maria de Fatima. Um estudo sobre a teoria winnicottiana da sexualidade. 2005. 311 f. Tese (Doutorado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/15809
Data de defesa: 10-Jun-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria de Fatima Dias tese de doutorado.pdf1,15 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.