???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16422
Tipo do documento: Dissertação
Título: As máscaras da exclusão: as significações da exclusão escolar a partir do universo do excluído
Autor: Malavasi, Abigail
Primeiro orientador: Szymanski, Heloisa
Resumo: Esse trabalho tem por objetivo discutir a exclusão escolar não apenas do ponto de vista da cultura escolar, mas principalmente do ponto de vista dos excluídos. Para tanto, o universo pesquisado é um assentamento localizado na periferia da zona norte de São Paulo. Ao enfocarmos a exclusão escolar tendemos a vê-la somente da perspectiva da camada hegemônica. De maneira geral, o mundo dos excluídos é visto como não organizado, um amontoado de casas e barracos, um bando de gente sem futuro e sem nenhuma perspectiva de uma vida melhor. Sem a escola acredita-se que não há nenhuma possibilidade de que tais excluídos possam integrar-se à sociedade determinada pelos valores e normas (transmitidos principalmente pela escola) do grupo social dominante. Na verdade, quando mergulhamos no universo dos excluídos descortina-se uma outra realidade da qual bem pouco sabemos. Na comunidade pesquisada, a categoria da imediaticidade penetra todos os poros da organização social e cria normas e valores próprios que guiam tanto o comportamento individual quanto coletivo. Neste contexto, o trabalho ocupa um lugar de destaque, pois possibilita aos membros desta comunidade a realização de suas necessidades mais práticas e imediatas. Assim, a partir da perspectiva deste grupo social, a escola (mediata) é vista como algo distante e impossível, visto que se pauta em elementos abstratos bem afastados do real vivido pela esfera excluída e por trabalhar com a categoria da futuridade, da construção de objetivos e metas a médio e a longo prazo. Nessa relação assimétrica, portanto, não se deve apenas considerar a exclusão gerada pela escola com seus valores hegemônicos. Trata-se, também, da não aceitação e do não reconhecimento dos valores desta classe por parte da esfera excluída porque tem seu próprio modo de funcionamento e organização, que via de regra, a classe hegemônica desconhece por acreditar que só ela é organizada
Palavras-chave: Escola Estadual de Primeiro Grau Olindo de Oliveira -- Sao Paulo (SP)
Evasao escolar
Vila Vista Linda -- Sao Paulo (SP)
Escolarizacao
Escolas publicas
Excluidos sociais
Fracasso escolar
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::EDUCACAO::FUNDAMENTOS DA EDUCACAO::PSICOLOGIA EDUCACIONAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Psicologia
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação
Citação: Malavasi, Abigail. As máscaras da exclusão: as significações da exclusão escolar a partir do universo do excluído. 1996. 190 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 1996.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16422
Data de defesa: 30-Nov-1996
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação: Psicologia da Educação

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Abigail Malavasi.pdf10,19 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.