???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16959
Tipo do documento: Dissertação
Título: A afetividade nos processos de transformação: Uma reflexão sobre a relação entre profissionais e usuários do serviço de atenção a violência
Autor: Kina, Daniel Jupp 
Primeiro orientador: Sawaia, Bader Burihan
Resumo: Esta dissertação é o resultado de uma pesquisa desenvolvida em uma organização não governamental, Acer Brasil, situada em Diadema, São Paulo. Seu objetivo é refletir sobre a relação entre educadores e educandos do serviço de atenção à violência com o foco na afetividade que a qualifica. Utiliza a análise de documentos e entrevistas/supervisões com profissionais do atendimento e usuários do serviço. A análise foi feita sob a luz das teorias da Psicologia Social Sócio Histórica, bem como a filosofia de Baruch de Espinosa (1632 - 1677) e a obra do autor russo Lev S. Vigotski (1896 - 1934). Considerando a relação de violência enquanto encontros mediados por idéias imaginárias e que idéias, emoção e imaginação são indissociáveis, buscouse priorizar a afetividade na análise da relação educador/educando. As condições materiais de existência e o educador se revelaram fundamentais aspectos de mediação desse processo. Nesse sentido a pesquisa levanta dimensões importantes na configuração do processo sócio-educativo como um bom encontro espinosano . Aspectos como a confiança, identificação, amizade, desejo de liberdade e o sentimento de comum (com paixão, com-partilhar sentidos, afetos e atividade) apresentaram-se através sentidos dos participantes, como fundamentais à construção da relação. A pesquisa também alerta para a importância da clareza do papel do educador enquanto facilitador dessas relações e o risco que a proximidade oferece quando esse papel é sobreposto por afetos confusos o que colocaria ambos na mesma rede de paixões, paralisando o desenvolvimento
Abstract: This dissertation is the result of research undertaken in a non-governmental organization, Acer Brasil, located in Diadema, Sao Paulo. The objective of the research is to reflect on the relationship between educators and adolescents within a service for people suffering various forms of violence, focusing on the affectivity of the relationship. The research utilized documentary analysis and interviews/supervisions with professionals providing the service and the service users. The analysis was undertaken utilizing the theories of Social Psychology Social History, using the philosophy of Baruch Spinoza (1632 1677) and the works of the Russian author Lev. S. Vygotsky (1896 1934). The research considers the relation of violence as meetings mediated by illusionary ideas that limit the life potential in oppressive situations, and that ideas, emotion and imagination are inseparable, and sought to prioritize affectivity in the analysis of the educator/adolescent relationship. The material conditions of existence and the educator reveal themselves as fundamental aspects that mediate this process. In this way the research raises important aspects in the configuration of the social-educational process as a good Espinozian meeting : confidence, identification, friendship, desire for freedom and common feeling (compassion, sharing of feelings, affects and activity). The process of constitution of feelings and meanings also showed themselves as important for the process, principally through the possibility of sharing between the educator and the adolescent. The research also alerts us to the importance of clarity of role for the educator while facilitating these relationships and the risk that the closeness offered when this role is overlaid by confused affects that place both educator and adolescent in the same range of passions, thereby paralyzing development
Palavras-chave: Afetividade
Violência
Transformação
Emoções
Affectivity
Violence
Transformation
Emotions
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA::PSICOLOGIA SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Social
Citação: Kina, Daniel Jupp. A afetividade nos processos de transformação: Uma reflexão sobre a relação entre profissionais e usuários do serviço de atenção a violência. 2011. 105 f. Dissertação (Mestrado em Psicologia) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/16959
Data de defesa: 15-Dec-2011
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Daniel Jupp Kina.pdf627,34 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.