???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17668
Tipo do documento: Tese
Título: A mediação da arte na educação para a práxis política: reflexões para a construção da nova cultura
Autor: Lopes, Isabel Cristina Chaves 
Primeiro orientador: Barroco, Maria Lucia Silva
Resumo: Com o avanço da globalização da economia neoliberal, gerando índices alarmantes de deterioração da qualidade de vida de milhões de cidadãos no mundo inteiro, enfatizando o efêmero, estimulando a fragmentação das ações, ainda é possível falar em subjetivação de valores éticos condizentes com a construção do projetoconstituinte da nova cultura. Compreendemos que a atividade artística, abordada enquanto práxis, pode, caracterizar-se como uma mediação dirigida à estratégia de uma educação dos indivíduos radicalmente mais crítica, mesmo num contexto de capitalismo reestruturado sob a égide da acumulação flexível, mediando assim um processo de formação do sujeito ético-político. Nesta pesquisa, portanto, o recurso à arte é analisado a partir da ontologia gramsciana, onde a educação das classes subalternas, para formação do sujeito ético-político, para a realização da grande política é um imperativo. À defesa deste processo, destacamos a importância do desenvolvimento consciente de uma identidade de classe em si e para si, que, por conseguinte, deve embasar-se no reconhecimento da diversidade humana. Disto, depreendemos a importância da questão da subjetividade e do processo que advogamos como tático, de estabelecimento de um diálogo crítico entre o materialismo histórico e dialético e as expressões ideológicas da lógica do capitalismo tardio, denominadas pensamento pós-moderno, com destaque ao multiculturalismo. Como estabelecimento de coerência nesta linha de análise, a categoria cultura é apreendida enquanto base social, modo de vida, numa relação com um conceito ampliado de educação e de arte, esta considerada práxis, e, portanto, no capitalismo, expressão da luta de classes. Por conseguinte, a organização material da cultura, mediada por esta forma de intervenção social é tratada nas análises desenvolvidas, considerando estes fatores e defendendo à realidade das mulheres das classes subalternas, que em sua maioria no Brasil são negras, a extensão dos processos catárticos, que as práxis artística e política propiciam, objetivando assim, entre outros, a realização de uma forma de enfrentamento dos processos de embrutecimento e desumanização que os contextos que vivenciam imprimem às mesmas, visto ser isto uma necessidade e um direito seus. Compreendemos que, sem este refinamento emocional e político não é fato falar em vontade coletiva dirigida para a construção de uma nova cultura
Abstract: With the advance of globalization, of the neoliberal economy, generating alarming rates of deterioration in the quality of life of millions of citizens worldwide, emphasizing the ephemeral, encouraging fragmentation of activities, it is still possible to talk about subjectivity of ethical values consistent with the construction of constitutional principles of the new culture. We understand that artistic activity, addressed as praxis can be characterized as mediation directed to the education of an individual´s radical critical stance, even in the context of capitalism restructured under the aegis of flexible accumulation, thereby mediating a formation of the ethical subject political process. Therefore, in this research, the use of art is examined from the Gramscian ontology, where the education of the lower classes, form the ethical- political subject, to carry out the great policy is imperative. In defense of this process, we incorporate the importance of developing for itself, a conscious class identity, which therefore should be to base the recognition of human diversity on. Thus we refer to the importance of the issue of subjectivity and the process that we advocate as tactical, to establish a critical dialogue between the historical and dialectical materialism and ideological expressions of the logic of late capitalism, called post- modern thought, with emphasis on multiculturalism . How to establish consistency in this line of analysis , culture is perceived as a social category based on way of life , a relationship with an expanded concept of education and art considered, this practice therefore in capitalism is expressed as the struggle class. Therefore, in the material organization of culture , this form of mediated social intervention is treated in the developed analysis considering these factors and defending the reality of women of the lower classes, who mostly in Brazil are black, the extent of cathartic processes that provide artistic and political praxis, thus aiming, among others, the completion of a form and coping with processes, of brutalization and dehumanization that the contexts experienced as being the same, be seen as a need and a right. We understand that without this emotional and political refinement, it is indeed impossible to speak of a collective will that is directed towards the construction of a new culture
Palavras-chave: Cultura
Arte
Práxis política
Educação
Classes subalternas
Culture
Art
Praxis policy
Education
Classes subaltern
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Lopes, Isabel Cristina Chaves. A mediação da arte na educação para a práxis política: reflexões para a construção da nova cultura. 2014. 187 f. Tese (Doutorado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17668
Data de defesa: 28-Mar-2014
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Isabel Cristina Chaves Lopes.pdf1,29 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.