???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17698
Tipo do documento: Tese
Título: O uso dos instrumentos e das técnicas no serviço social na perspectiva crítico-dialética: mediações necessárias
Autor: Faermann, Lindamar Alves 
Primeiro orientador: Baptista, Myrian Veras
Resumo: Esta tese é resultado de uma pesquisa quanti-qualitativa realizada junto a assistentes sociais que trabalham em São José dos Campos/SP. Através deste estudo, busquei conhecer como os instrumentos e as técnicas vêm sendo mediados e problematizados por esses profissionais em suas intervenções cotidianas. A perspectiva epistemológica que ofereceu as bases estruturantes para o desenvolvimento desta pesquisa foi o Materialismo Dialético. Tal perspectiva ajudoume a construir não apenas o processo investigativo, mas também subsidiou a análise dos seus resultados. A pesquisa foi realizada em duas etapas articuladas e complementares: mapeamento geral dos instrumentos e das técnicas, mediante o emprego de um questionário, e entrevistas com três profissionais cujas práticas são reconhecidas na cidade. Os resultados alcançados permitiram construir algumas aproximações sobre o estudo em tela. Em relação aos instrumentos de trabalho, constatou-se que a documentação é o mais utilizado pelos profissionais. Na sequência, apareceram a visita domiciliar, a entrevista, a reunião, os recursos materiais, o conhecimento e a linguagem. Já em relação às técnicas, identificou-se centralidade no uso da observação, da escuta, da dinâmica de grupo, da acolhida e da maiêutica socrática. No tocante ao perfil dos profissionais, dos 45 participantes, apenas dois são do sexo masculino. Os dados mostram que no grupo pesquisado prevalecem as idades entre 35 e 49 anos. Do total de sujeitos, 71% possui formação complementar, com destaque para a pós-graduação latu senso. Quanto aos seus rendimentos, o salário médio levantado é baixo, entre R$ 1.448,00 a R$ 2.896,00. Em relação à natureza das instituições empregadoras, sobressaem as instituições públicas (64,4%), seguida das privadas (28,4%). A área de maior concentração profissional é a assistência social, após, a saúde, o campo sóciojurídico, a educação, o campo empresarial e, em último lugar, a previdência social. A grande maioria dos assistentes sociais 91,1% está cumprindo a jornada de trabalho de 30 horas semanais. A pesquisa chama atenção para duas questões centrais. A primeira refere-se aos impactos das condições de trabalho dos assistentes sociais no modo de apropriação dos instrumentos e das técnicas, em virtude do processo de precarização e de burocratização que vivenciam. Atrelado a esse processo, deparam-se com o sucateamento das políticas e com os parcos recursos para desenvolverem suas atividades e atenderem às demandas dos usuários. A segunda questão deve-se à ausência de conteúdos e de saberes para potencializar o uso dos instrumentos e das técnicas no seu cotidiano profissional. Nessa perspectiva, sugiro a arte como uma mediação importante, tendo em vista qualificar a sua ação e instigar processos emancipatórios junto aos sujeitos que trabalham. Diante das reflexões construídas nesta pesquisa, sustento a minha tese de que, para o assistente social desenvolver um trabalho competente, na direção do projeto ético-político, é vital apropriar-se da teoria social marxista e utilizá-la em conjunto com outros conhecimentos que possibilitem ampliar suas cadeias de mediações, tendo em vista construir ações e respostas profissionais conectadas ao tempo presente e de acordo com a teoria que tem por norte
Abstract: This thesis is the result of a quantitative and qualitative research conducted by social workers who work in São José dos CamposSP. Through this study, I sought to know how the instruments and techniques are being mediated and problematizados for these professionals in their day-to-day operations. The epistemological perspective that offered the structural bases for the development of this research was Dialectical materialism. Such a perspective has helped me to build not only the investigative process, but also subsidized the analysis of their results. The survey was conducted in two stages articulated and complementary: General mapping of the instruments and techniques through the use of a questionnaire and interviews with three professionals whose practices are recognized in the city. The results obtained allowed to build some approximations about the study in screen. With regard to work instruments, it was noted that the documentation is the most widely used by professionals. As a result, appeared the home visit, interview, meeting, material resources, knowledge and language. Already in relation to techniques, centrality was identified in the use of observation, listening, group dynamics, the welcome and the Socratic maieutics. With regard to the profile of professionals, of the 45 participants, only two are male. The data show that the Group researched prevail ages between 35 and 49 years. Of the total subject, has 71 further training, with emphasis on the latsu sense. As for their income, the average wage up is low, between R 1,448 .00 to .00 2,896 R. In relation to the nature of the employer institutions, dominated by public institutions (64.4), followed by the private (28.4). The area of greater concentration is social assistance professional, after, health, sóciojurídico field, education, the business field and in last place, the social security system. The vast majority of social workers- 91.1-is serving the workday of 30 hours per week. The research draws attention to two central issues. The first relates to the impacts of the working conditions of social workers in the ownership of the tools and techniques, by virtue of the process of precariousness and bureaucratization that experience. Coupled to this process, are faced with the scrapping of policies and with meagre resources to develop its activities and meet the demands of users. The second issue is due to the absence of content and knowledge to enhance the use of the instruments and techniques in your everyday professional. In this perspective, I suggest the art as an important mediation, in order to qualify their action and instigating emancipative processes among the subjects who work. On this research built reflections, keep my thesis that, for the social worker to develop a competent work, towards the ethical-political project, it is vital to take ownership of Marxist social theory and use it in conjunction with other knowledge which allow to extend its chains of mediation, in order to build professional answers and actions connected to the present time and according to the theory which is North
Palavras-chave: Serviço Social
Instrumentos e técnicas
Trabalho profissional
Instrumental
Mediações
Social Service
Instruments and techniques
Professional work
Instrumental
Mediations
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17698
Data de defesa: 8-Sep-2014
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Lindamar Alves Faermann.pdf853,04 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.