???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17792
Tipo do documento: Dissertação
Título: Uma análise sócio-histórica da construção da identidade do caboclo da região de Curitibanos, Santa Catarina
Autor: Leão, Silse Teixeira de Freitas Lemos
Primeiro orientador: Martinelli, Maria Lúcia
Resumo: A presente dissertação objetiva apresentar uma análise sócio-histórica da construção da identidade do caboclo do município de Curitibanos, Santa Catarina. Justifica-se a abordagem reflexiva como elemento sustentador da compreensão profunda que se almeja da realidade presente, campo fecundo para o Serviço Social. Efetuada por meio de pesquisa bibliográfica aborda o processo de colonização realizado pelos portugueses, dos primeiros núcleos até a ocupação do Brasil meridional. Curitibanos, situado numa região rica em espécies madeireiras e campos de pastagens, constituiu-se em pouso de tropeiros que, ao conduzirem o gado, interligaram o Sul às zonas territoriais já colonizadas do país. A questão norteadora do trabalho é o atual homem empobrecido, dependente da assistência social pública. Esse caboclo, etnicamente constituído por descendentes de paulistas e indígenas da região, vivia da economia de subsistência, em harmonia com a natureza. As relações sociais eram marcadas pelo patriarcalismo, patrimonialismo e pela política coronelista, num contexto em que a valentia, posta a serviço dos interesses das elites dominantes, configurava-se como valor. A introdução do capitalismo internacional, através da estrada de ferro São Paulo-Rio Grande e pela atuação da serraria Lumber, acrescida da Campanha do Contestado - questão de limites entre os estados do Paraná e de Santa Catarina que não mobilizara os interesses diretos da população da região em litígio mas, circunstancialmente, a envolvera -, marcada pelo messianismo desencadeado por fatores de caráter político, cultural e econômico, culminara em sangrenta luta armada e em banditismo. Como resultado, os remanescentes desse caboclo espoliado constituem-se, hoje, nos usuários da assistência social pública.
Palavras-chave: Caboclos - Curitibanos, SC
Identidade social
Contestado
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Leão, Silse Teixeira de Freitas Lemos. Uma análise sócio-histórica da construção da identidade do caboclo da região de Curitibanos, Santa Catarina. 2005. 101 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17792
Data de defesa: 28-Mar-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
DISSERTACAO.pdf588,78 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.