???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17819
Tipo do documento: Dissertação
Título: Análise do território: um instrumento interventivo na prática do programa de saúde da família
Autor: Bôas, Heloísa Strazzer Vilas
Primeiro orientador: Marsiglia, Regina Maria Giffoni
Resumo: O objetivo deste trabalho foi levantar a importância que o conceito de território tem entre as equipes do Programa de Saúde de Família PSF, para que se converta num instrumento de diagnóstico e intervenção eficaz. O Ministério da Saúde reconhece a relevância do conceito de território como instrumento de trabalho, desde a criação do PSF, em 1994. No entanto, percebe-se que, embora haja uma abordagem do conceito nas capacitações das equipes, ele não é utilizado como algo essencial para a prática das equipes de PSF. A metodologia desta pesquisa buscou captar as dimensões teórico-práticas do conceito de território. Somou-se à análise bibliográfica e documental, entrevistas com as coordenações do Programa de Saúde da Família e Grupos Focais com as equipes do PSF de três municípios pertencentes à Diretoria Regional de Saúde XXI DIRXXI do Estado de São Paulo: Jacareí, Jambeiro e Caraguatatuba. Independentemente das diferenças demográficas, sociais e de saúde locais, que implicam em diferentes necessidades, as equipes reconheceram que a questão do território como instrumento de trabalho fez parte da capacitação inicial que receberam. No entanto, na prática, constatou-se que o conceito de território, além de não ser bem compreendido, não foi atualizado, nem reforçado nas supervisões que as equipes receberam posteriormente. Isto tem levado, entre outras coisas, ao bloqueio da criatividade das equipes, ao uso insuficiente dos recursos disponíveis, a sua não responsabilização pelos problemas de saúde e famílias da área, ao não estabelecimento das parcerias necessárias com as outras políticas públicas, e à falta de mobilização das forças locais. Enfim, um prejuízo considerável para a saúde da população e empobrecimento das diretrizes do PSF na prática
Abstract: This work objective is to detect the importance of the concept of territory between the teams of the Programa de Saúde da Família PSF (Family Health Program), in order it becomes an effective diagnosis and intervention tool. Brazilian Ministry of Health recognizes the relevance of the concept of territory as a work instrument since the PSF was created in 1994. However, it is perceptible that, despite the concept appearing in the training of the PSF teams, it is not used as an essential in the practice. The research methodology intended to apprehend the theoretical and practical dimensions of the concept of territory. To the bibliographic and document analysis it was added interviews with the coordinators of the Programa de Saúde da Família and focal groups with the PSF teams of three cities belonging to the Diretoria Regional de Saúde XXI DIRXXI (Health Regional Branch XXI) of the State of São Paulo: Jacareí, Jambeiro e Caraguatatuba. Regardless the demographic, social and local health differences, which imply different needs, the teams recognized that the question of the territory as work instrument was part of the initial given training. However, in practice, it was noticed that the concept of territory, beyond not being well understood, it was neither up to date nor it was reinforced in late supervisions. This leads, among others, to a block of the teams creativity, to an incomplete use of the available resources, to not felling responsible for the health problems and for the families in the area, to not establishing needed partnerships with others public policies, and to a lack of mobilization of local forces. In short, a considerable loss for the population health and the impoverishment of the guidelines of the PSF in the practice
Palavras-chave: Programa de Saúde de Família PSF
Family Health Program
Programa Saude da Familia (Brasil)
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Bôas, Heloísa Strazzer Vilas. Análise do território: um instrumento interventivo na prática do programa de saúde da família. 2007. 126 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2007.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17819
Data de defesa: 30-Mar-2007
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Heloisa Strazzer Vilas Boas.pdf1,89 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.