???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17977
Tipo do documento: Dissertação
Título: O movimento de mulheres em interlocução com o Governo Federal na construção de políticas para mulheres no Brasil (2002-2006)
Título(s) alternativo(s): The women s movement in dialogue with the Federal Government in the construction of policies for women in Brazil (2002-2006)
Autor: Rocha, Maria Beatriz Pires da 
Primeiro orientador: Wanderley, Mariangela Belfiore
Resumo: Ao longo da história, as mulheres têm se somado às lutas mais gerais, buscando também respostas para suas demandas específicas. No Brasil, o movimento de mulheres foi reconhecido por sua capacidade de buscar construir estratégias consensuais na diversidade de organizações e redes que o compõem em períodos marcantes da história política do país, para com isso, fortalecer sua posição na oposição ou na negociação frente ao Estado. A pesquisa realizada teve por objetivo estabelecer a relação do movimento social com o governo no que tange à temática de gênero nas políticas públicas, refletindo o movimento de mulheres, como sujeito coletivo, na construção da proposta de um projeto político popular. Definimos como objeto as ações do governo Lula que, através da Secretaria Especial de Política para Mulheres (SPM) tenham se concretizado em política para mulheres, a partir da implantação do I Plano Nacional de Política para Mulheres (PNPM), em 2004. Trata-se de uma pesquisa social, qualitativa que foi organizada em três momentos: o primeiro constituiu-se de uma pesquisa bibliográfica e documental, o segundo marcado pela pesquisa de campo, onde foram entrevistadas representações governamentais e do movimento de mulheres e por fim, o terceiro, pela sistematização e análise da pesquisa. A pesquisa revelou que a criação de um organismo como a SPM e o I PNPM foi fundamental para progredirmos em programas e políticas públicas para mulheres, com o reconhecimento de que a construção de tais políticas é um processo disputado por diferentes projetos políticos postos na sociedade, onde os estudos das relações entre governo e movimento, e deste com suas bases, é revelador do espaço ocupado pela mulher no cenário político e dos avanços alcançados
Abstract: During the whole of history, women have been supporting the most general struggles, also looking for answers for their specific demands. In Brazil, the women s movement has been recognized due to its capacity in trying to build consensus strategies within the diversity of its organizations and networks in important periods of the political history of the country, in order to be able to strengthen with it its position in the opposition or negotiation with the State. The objective of the research was to establish the relationship of the social movement with the government in terms of gender issues in public policies, reflecting the women s movement as a collective subject in the construction of the proposal for a popular political project. We defined as object those actions from the Lula government through the Special Secretariat for Women s Policies (SPM) that have come true through policies for women after the implementation of the I National Plan for Women s Policies (PNPM) in 2005. This is a social qualitative research which has been organized in three different phases: the first one was the bibliographical and documental research; the second was the field research with interviews with representatives of the government and the women s movement, and, finally, the third one, the systematization and the research analysis. The research revealed that the creation of a body like a SPM and the I PNPM were crucial in order to progress in public policies and programmers for women, recognizing that the construction of those policies is a process disputed by different political projects in society where the studies of the relationship between the government and the movement, and of the latter with its grassroots reveals a lot about the space occupied by women in the political stage and about the progress achieved
Palavras-chave: Movimento de mulheres
Democracia
Gênero nas políticas públicas
Women s movement
Democracy
Gender in public policies
Feminismo -- Brasil
Mulheres -- Brasil
Movimentos sociais -- Brasil
Plano Nacional de Politica para as mulheres (Brasil)
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Rocha, Maria Beatriz Pires da. The women s movement in dialogue with the Federal Government in the construction of policies for women in Brazil (2002-2006). 2009. 130 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/17977
Data de defesa: 26-May-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Maria Beatriz Pires da Rocha.pdf844,93 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.