???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18007
Tipo do documento: Tese
Título: Bioética no exercício profissional do serviço social: uma análise sob a ótica da ontologia social de Marx
Título(s) alternativo(s): Bioethics a professional exercise in social service: analyze under the optics of the ontology of the social being of Marx
Autor: Melo, Luciana Maria Cavalcante 
Primeiro orientador: Barroco, Maria Lucia Silva
Resumo: O presente estudo teve como objetivo configurar o panorama da Bioética enquanto tema urgente e necessário de enfrentamento profissional no âmbito do Serviço Social. Para que essa interlocução se tornasse possível, foi necessário um debruçar sobre as duas áreas - a primeira eminentemente filosófica, e a segunda fortemente calcada na práxis , o que foi feito sob a ótica da Ontologia do Ser Social de Marx, que enfatiza o trabalho como categoria central das relações sociais e, de acordo com Lukács, permite a conciliação das postulações teóricas com a necessidade prática. A Bioética, disciplina atualmente consolidada na área das ciências da saúde, é o campo da ética que se propõe a estudar e a intervir nos dilemas e conflitos ético-político-sociais decorrentes dos posicionamentos da sociedade em relação à vida humana e animal. Já o Serviço Social atua na realidade de espoliação, de vulnerabilidade e de desigualdade social provocada pelo sistema político-econômico e, portanto, constitui-se em uma expressão histórica da questão social. Os conflitos e dilemas bioéticos mais persistentes na prática profissional do Serviço Social foram objeto de pesquisa qualitativa, configurada em entrevistas com assistentes sociais de uma unidade básica de saúde (2), um hospital público (2) e uma penitenciária feminina (2). A análise das informações obtidas, também realizada à luz do método qualitativo, demonstrou que o método não precede a realidade, muito ao contrário: a realidade é que determina o método de análise mais adequado para a sua apreensão. Além disso, a pesquisa empreendida configura-se como ponto de partida na investigação da interface entre Bioética e Serviço Social, como demonstram os depoimentos transcritos. O acesso ao serviço, e de maneira mais analítica, o acesso aos direitos sociais, foi um dos temas mais vivenciados nos diálogos. A bioética já está presente no interior do trabalho profissional, mas exige um esforço de registro teórico-filosófico que possa contribuir com as reflexões destes profissionais no cotidiano do trabalho
Abstract: The present work had as aim to configure the panorama of the Bioethics while as an urgent and necessary subject of professional confrontation in the scope of the Social Service. So for this interlocution became possible, it was necessary to lean over two areas the first one is eminently philosophical, and the second area is strongly calcada in the praxis -, witch was made under the optics of the Ontology of the Social Being of Marx, who emphasizes the work as central category of the social relations and, in accordance with Lukács, that allows the conciliation of the theoretical postulations with the practical necessity. Bioethics is a discipline currently consolidated in the area of sciences and health, is the field of the ethics that considers to study and to intervene in the quandaries and decurrent ethical-politician-social conflicts of the positioning of the society in relation to human being and animals life. Already the Social Service perform in the spoliation reality, of vulnerability and social inequality provoked by the system of politician-economic system so, therefore, it consists in a historical expression of the social matter. The more persistent bioethics conflicts and quandaries in the practical professional of the Social Service had been purpose of qualitative research, configured in interviews with social assistants of a basic unit of health (2), a public hospital (2) and a feminine prison (2). The analysis of the gathered information, also realized through to the light of qualitative method, witch demonstrated that this method does not precede the reality, in contrast: the reality is what determines the adjusted method of analysis for its apprehension. Moreover, the undertaken research is configured as starting point in the inquiry of the interface study between Bioethical and Social Service, as they demonstrate the transcribed testimony. The accesses to the service, and in more analytical way, the access to the social rights, were one of the subjects more brought up in the dialogues. It s already present in the interior of the professional work the bioethics, but that currently demands an effort of theoretical-philosophical register that can contribute with the reflections of these professionals in there daily work
Palavras-chave: Ontologia social
Bioethics
Social service
Social ontology
Bioetica
Etica
Ontologia
Servico social -- Aspectos morais e eticos
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Melo, Luciana Maria Cavalcante. Bioethics a professional exercise in social service: analyze under the optics of the ontology of the social being of Marx. 2009. 169 f. Tese (Doutorado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18007
Data de defesa: 22-Sep-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Luciana Maria Cavalcante Melo.pdf1,14 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.