???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18012
Tipo do documento: Dissertação
Título: A construção teórica das relações entre família e serviço social brasileiro no contexto dos diferentes projetos societários
Autor: Jorge, Camila Felice 
Primeiro orientador: Campos, Marta Silva
Resumo: O presente trabalho vem contribuir para a reflexão sobre o significado do tema "família" acumulado pelo Serviço Social, em sua prática teórica. Para tanto, tem como objetivo específico examinar a posição que este ocupa na produção bibliográfica, tanto no momento do surgimento do Serviço Social como profissão no país, na década de 1930, como a partir das modificações que o afetam durante o processo de institucionalização profissional até os dias atuais. Esse período inicial é especialmente estudado, examinando-se de forma mais particular o material agenciado pelo primeiro núcleo formador de assistentes sociais, a Escola de Serviço Social de São Paulo, criada em 1936. Seu caráter reconhecidamente pioneiro no nascimento e evolução do Serviço Social, com abrangência nacional, bem como facilidade de meu acesso às fontes históricas em São Paulo, possibilitaram a pesquisa. Incluem-se no conjunto deste material: trabalhos acadêmicos ligados à formação no nível da graduação e pós-graduação, publicações de docentes e pesquisadores, entre outros. O procedimento metodológico baseia-se na análise histórica fundamentada nesses documentos, sendo estabelecidas conexões entre os dados recolhidos. É tomada ainda como fonte de referências de caráter nacional a revista Serviço Social & Sociedade, publicada sem interrupção desde 1979 e utilizada pelos profissionais de expressão de todo o país, como parte da construção do nosso corpo de conhecimentos. Algumas fontes que estabelecem um paralelo entre a realidade construída em São Paulo e no Rio de Janeiro no momento da criação das primeiras instituições de ensino são utilizadas, fundamentando, principalmente, nosso plano de análise do conteúdo geral do material a partir da sua identificação e proximidade em relação aos "projetos societários" que conformaram o desenvolvimento da profissão. Nesse último aspecto, seguimos a orientação da produção bibliográfica que procurou constituir um patrimônio comum de reflexão sobre a profissão. Observamos que sobre o assunto família na profissão, a produção teórica não foi significativa em alguns períodos, não significando o desaparecimento da prática com tal população. É fato, que no período de 1946 a 1964, há uma lacuna na produção teórica e que no período da ditadura militar também foi verificada prioridade intelectual para os movimentos sociais em busca de um projeto societário hegemônico democrático, deixando a discussão sobre a família num outro plano. Pode-se dizer que o tema nunca foi tratado da maneira como deveria, principalmente se considerarmos a permanência e o importante lugar do trabalho com famílias na prática profissional desde a sua origem até a atualidade
Abstract: The present research contributes for the reflection on the meaning "family" accumulated by Social Work, in its practical theoretician. For it, the specific objective is analyze the position that this occupies in bibliographical production, at the moment of Social Work appear as profession in Brazil, in 1930s, as from the modifications that affect the professional institutionalization process until current days. This initial period is studied consider the original material produced by firsts social workers that got BA degree by the School of Social Work of Sao Paulo, created in 1936. Its pioneering character in the birth and evolution of the Social Work is recognized by historical sources easiest access in Sao Paulo, make possible this research. They are included in the material range: end academic papers among others. The methodological procedure is based on the historical analysis based on these documents, being established connections between the collected data. The magazine Serviço Social & Sociedade is taken as source of national reference, published since 1979 and used by the professionals of expression of all the country, as part of the construction of our knowledge body. Some sources that establish a parallel between the constructed reality in Sao Paulo and in Rio de Janeiro at the moment of the creation of the first institutions of education are used, basing, mainly, our plan of analysis of the general content of the material from its identification and proximity in relation to "social projects" that had conformed the development of the profession. In this last aspect, we follow the orientation of the bibliographical production that it looked to constitute a common patrimony of reflection on the profession. We observe on the family subject adopted by the profession, the theoretical production was not significant in some periods, not meaning the disappearance of the practical one with such population. It is fact, that in the period of 1946 the 1964, has a gap in the theoretical production because military dictatorship is the intellectual priority for the social movements that look for a social democratic hegemonic project, leaving the family analyses in other plan. It can be said that the subject never was dealt with the way as it would have, mainly if to consider the permanence and the important place of the work with families in the practical professional since its origin until the present time
Palavras-chave: Família
Formação profissional em serviço social
Projetos societários
Family
Social work s professional formation
Projects of societies
Servico social com a familia -- Brasil
Assistentes sociais -- Formacao profissional
Servico social -- Estudo e ensino -- Brasil -- Historia
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Serviço Social
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social
Citação: Jorge, Camila Felice. A construção teórica das relações entre família e serviço social brasileiro no contexto dos diferentes projetos societários. 2009. 101 f. Dissertação (Mestrado em Serviço Social) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2009.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/18012
Data de defesa: 16-Oct-2009
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Serviço Social

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Camila Felice Jorge.pdf643,12 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.