???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/20397
Tipo do documento: Dissertação
Título: Arteterapia nas paisagens das velhices: Método PREAMAR de intervenção
Autor: Pomeranz, Cristiane Tenani 
Primeiro orientador: Côrte, Beltrina
Resumo: Aproximar a Arte da velhice, com o olhar interdisciplinar da Gerontologia é o método de trabalho utilizado nesta pesquisa documental. A pesquisa também tem um caráter retrospectivo, descritivo e qualitativo que tem como eixo principal a história de uma bailarina chamada Elisa, cujo nome artístico era Zuzima. Após o derrame, ao fazer reabilitação, ela é exposta à Arteterapia, onde encontra maneiras de resgatar a potência de vida perdida em meio à patologia. A pesquisa está fundamentada em autores de diversas áreas do saber, como Geertz, Tótora, Ciornai, Francisquetti, Carrière, Messy, Beauvoir, Foucault, Nietzsche entre outros, e apresenta um método de intervenção arteterapêutica nomeado PREAMAR. O método é composto de sete passos - percepção, reconhecimento, estratégia, afeto, mão na massa, análise de resultado e refinamento foi desenvolvido durante o envolvimento profissional com Elisa. Mais do que uma metodologia, Elisa revelou a fragilidade humana eminente, como condição, capaz de abafar a potência de vida existente nos velhos, e tornou-se o que o sociólogo Max Weber chamou de “tipo ideal”, instrumento de pesquisa do saber sociológico, uma construção mental do pesquisador, que enfatiza aspectos que deseja analisar do objeto de estudo. Elisa permitiu que selecionássemos uma série de observações construindo assim um “tipo ideal” que pode ser percebido em casos práticos de Arte-terapia. Estas intervenções foram feitas com idosos de uma Instituição de Longa Permanência e de grande porte na cidade de São Paulo, com idosos do Atelier de Arte&Inclusão e demenciados do projeto Faça Memórias, com idosos em situação de vulnerabilidade social que frequentam um Centro-dia público, e outros idosos atendidos individualmente pela pesquisadora, apontando um movimento interno desenvolvido a favor do sujeito velho que percebe possibilidades de viver a velhice.Observo u-se que a Arteterapia é uma ferramenta facilitadora para a compreensão das velhices, assim como uma prática a favor das condutas de significação da vida para os velhos. Ao serem envolvidos neste método, os idosos podem encontrar meios de interpretar o mundo, para existir inserido no tempo presente, em que a compreensão dos fatos, da vida e da velhice pode clarificar-se em meio ao cenário atual. O método PREAMAR, aprendido e replicado, mostra-se eficaz na transformação das paisagens que, em muitas velhices, são desprovidas de encantamento. Para as velhices fragilizadas, esta pesquisa propõe uma Arteterapia que busca, na força da Arte e no método PREAMAR as condições de resgatar as Zuzimas oprimidas pelo niilismo encontrado nas mais diversas maneiras de envelhecer
Abstract: To approach Art and Old Age, with the interdisciplinary view of Gerontology, is the working method used in this documental research The research is also retrospective, descriptive and qualitative in character and has its main axis in the story of a ballerina named Elisa, whose stage name was Zuzima. After the stroke, and during rehabilitation, she is exposed to Art Therapy, where she finds ways to rescue the potential of life that was lost to the pathology. This research is based on authors from various fields of knowledge, such as Geertz, Tótora, Ciornai, Francisquetti, Carrière, Messy, Beauvoir, Foucault, Nietzsche among others, and features a method of art-therapeutic intervention named PREAMAR. The method consists of seven steps -perception, recognition, strategy, affection, hands-on, result analysis and refinement, and was developed during the professional involvement with Elisa. More than a methodology, Elisa revealed the imminent human frailty, as a condition that is able to stifle the potency of existing life in the elderly, and became what the sociologist Max Weber termed an “ideal type”, an instrument for researching sociological knowledge, a mental construction of the researcher which emphasizes the aspects to analyze in the object of study. Elisa allowed the selection of a series of interventions, building in this manner an “ideal type” that can be perceived in the practical cases of Art Therapy. These interventions were made with elderly people in a large institution of Long-permanence in the city of São Paulo, with elders from the Atelier of Art & Inclusion and Dementia of the project Make Memories, with socially vulnerable elders who attended a public day-Center, and other elders that were attended individually by the researcher, pointing towards an internal movement that was developed in favor of those elders who perceive the possibilities of living the old age. It was observed that Art Therapy is a facilitating tool for the understanding of elderliness, as well as a practice favoring conducts of meaning–of-life for the elderly. By being involved in this method, the elderly can find ways of interpreting the world, to exist inserted in the present time, in which the understanding of facts, of life and of elderliness can be clarified in the midst of the current scenario. The PREAMAR method, learned and replicated, shows to be effective in the transformation of landscapes that, in many old-ages, are devoid of enchantments. For the fragile old-ages , this study proposes an Art Therapy that seeks, in the force of Art and in the PREAMAR method, the conditions to rescue the Zuzimas oppressed by the nihilism that is found in the most diverse forms of growing old
Palavras-chave: Arteterapia
Idosos fragilizados
Método PREAMAR
Gerontologia
Art therapy
Fragile elderly
Gerontology
PREAMAR method
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::SERVICO SOCIAL::SERVICO SOCIAL APLICADO
Idioma: por
País: Brasil
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia
Citação: Pomeranz, Cristiane Tenani. Arteterapia nas paisagens das velhices: Método PREAMAR de intervenção. 2017. 121 f. Dissertação (Mestrado em Gerontologia) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia, Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2017.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/20397
Data de defesa: 15-Sep-2017
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Gerontologia

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Cristiane Tenani Pomeranz.pdf4,11 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.