???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/2073
Tipo do documento: Dissertação
Título: Cântico dos Cânticos e o amor humano: um estudo a partir da psicologia junguiana
Autor: Silva, Reginaldo de Abreu Araujo da
Primeiro orientador: Vasconcellos, Pedro Lima
Resumo: O Cântico dos Cânticos é um livro da Bíblia que trata do amor humano e que foi por, dois mil anos, interpretado alegoricamente, tanto por judeus como por cristãos. Os judeus viam no amado a figura de Deus e na amada a figura de Israel; para os cristãos o amado era figura de Cristo e a amada a figura da Igreja, ou da alma humana ou da Virgem Maria. Foi no final do século XIX que surgiram as interpretações literais e desenvolveram-se com grande vigor no século XX. As interpretações literais vêem no amado e na amada dois seres humanos que se relacionam afetiva, amorosa e sexualmente, dentro de um texto canonizado como Sagrada Escritura. Uma das possibilidades de interpretação literal do texto do Cântico dos Cânticos é psicológica, partindo dos símbolos e dos processos psíquicos que são vivenciados pelo amado e pela amada. A psicologia junguiana oferece alguns referenciais com que se pode interpretar essa relação amorosa como coniunctio e fazer uma análise dos arquétipos da psique humana, tais como anima, animus, persona, sombra. A relação de amor fundamenta o encontro íntimo e possibilita as etapas do processo psíquico que, na psicologia junguiana, é o processo de individuação, cuja meta é chegar ao Si-Mesmo, arquétipo central da psique, e o ser humano sentir-se auto-realizado. No Cântico dos Cânticos vislumbramos o processo de individuação e auto-realização do amado e da amada, dentro de uma atmosfera de amor e de uma conceituação hebraica do amor como faísca de Iahweh, o Deus de Israel, e como um amor forte como a morte. Um processo que se realiza, mas que não finaliza, pois é próprio da psique humana a busca contínua da individuação e da auto-realização
Abstract: The Song of Songs is a book of the Bible whose subject is human love. The book has been, during two millenniums, interpreted as allegory, by Jewish and Christians. The Jewish interpreted the beloved man as a figure of God and the beloved woman as a figure of Israel. Christians interpreted man like Christ and woman like the Church, the human soul or the Virgin Mary. It was at the end of 19th century that appeared the literal interpretations which developed with much force in the 20th century. Literal interpretations describe the beloved man and the beloved woman like two human beings who become acquainted to affection, love and sexual relationship and the book is accepted as a canonical text in the Holy Bible. One of the possibilities of literal interpretation of Song of Songs is the psychological interpretation, starting with symbols and psychic process that are lived by the beloved man and the beloved woman. The Jungian psychology offers some elements to interpret the love relationship as coniunctio and to do an analysis of the archetypes from human psyche, for example: anima, animus, persona, shadow. The love relationship bases the intimate relation and makes possible the grades of psychic process that, according to Jungian psychology, is a process of individuation. This process leads the Self, which is more important archetype of psyche and so, the human being may be happy and be self realized. In the Song of Songs we may perceive the individuation process and the beloved man and the beloved woman being self realized in the love affair and in the Hebrew conception love is like a flame of Yahweh, the God of Israel, and like a strong love which is strong as death. The process initializes but does not end, because it is the property of human psyche in a continuous research of individuation and of self realization
Palavras-chave: Coniunctio
Anima
Animus
Individuação
Si-Mesmo
Individuation
Self
Biblia -- A. T -- Cantico dos Canticos -- Comentarios
Psicologia junguiana
Psicologia religiosa
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::TEOLOGIA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências da Religião
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião
Citação: Silva, Reginaldo de Abreu Araujo da. Cântico dos Cânticos e o amor humano: um estudo a partir da psicologia junguiana. 2008. 201 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Religião) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2008.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/2073
Data de defesa: 17-Jun-2008
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciência da Religião

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Reginaldo de Abreu Araujo da Silva.pdf629,42 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.