REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/27204
Tipo: Dissertação
Título: A Medeia do subúrbio : escrita contemporânea e desamparo freudiano em Álbum de família de Nelson Rodrigues
Autor(es): Tavares, José Luiz Cordeiro Dias
Primeiro Orientador: Cardoso, Elizabeth da Penha
Resumo: A urgência de transformações políticas, sociais e intelectuais no pós-guerra resultou na transgressão de limites até então estabelecidos borrando as margens das convenções sociais, permitindo uma fértil expansão de fronteiras. Trata-se de um movimento que também envolveu a literatura, expondo a tensão entre ficção e a não ficção, vale dizer, arte e vida. Daqui partimos para eleger como nossa primeira vertente de interesse neste trabalho a escrita contemporânea na qual podem participar diversas categorias como autoficção, metaficção, autobiografia ou mesmo outras linguagens como, por exemplo, material fotográfico. Na escrita contemporânea não há algo exatamente novo, mas, sim, uma nova maneira de construção literária na qual não apenas o conteúdo, mas também o modo de narrar a obra são importantes. Não raramente, a crítica literária assim como a teatral atribuem a Nelson Rodrigues um papel central na renovação da dramaturgia brasileira nos anos 40. A escolha desse autor e, em especial, de Álbum de família como corpus deste estudo se deu ao nos indagarmos sobre a possibilidade de estarmos diante de um exemplar da escrita contemporânea. Esta é, portanto, a primeira pergunta deste trabalho e se sustenta na hipótese de encontrarmos nessa obra os recursos literários que revelem as marcas da autoficção e do hibridismo de linguagens como estratégias para elaborar a escrita desse Álbum. A segunda pergunta deste trabalho se articula com hipótese de que o recurso estético que melhor expressa a subjetividade de Nelson em Álbum de família seja o desamparo no sentido freudiano [Hilflosigkeit] que estrutura o arcabouço daquela família, em especial Senhorinha, em seu casamento com Jonas. Em seu sofrimento, Senhorinha aproximase de Medeia, ícone do desamparo em seu casamento com Jasão. Medeia mata os filhos e os retira da vida. Senhorinha mata a vida em seus filhos e se retira da cena. Ambas não elaboraram suas aflições e se veem exiladas de seus continentes afetivos. Por esse motivo, Medeia foi convidada para aqui dialogar com Senhorinha. Para explorar o entendimento da tragédia grega e do drama moderno recorremos principalmente a Aristóteles, Peter Szondi e Anatol Rosenfeld. Para nossas reflexões acerca do trabalho da escrita literária em si e de seus autores fomos buscar referências em Antonio Candido, Alfredo Bosi, Décio de Almeida Prado, Umberto Eco, Jean Paul Sartre, Roland Barthes e Michel Foucault dentre outros. Para elaborar nossas proposições acerca da escrita contemporânea nos valemos essencialmente dos olhares de Ana Paula Arnaut, Linda Hutcheon, Leyla Perrone Moisés sobre o tema, além de Philippe Lejeune e Serge Doubrovsky. Nos capítulos que abordaram a psicanálise e, em especial, a questão do desamparo [Hilflosigkeit], recorremos principalmente aos postulados de Sigmund Freud, além de algumas contribuições de Ferdinand de Saussure e Jacques Lacan sobre linguagem e psicanálise. Na companhia desses teóricos, desenvolvemos nossas reflexões. A partir delas, formulamos as proposições que sustentam as vertentes aqui apresentadas para leitura deste corpus, a saber, escrita contemporânea e desamparo [Hilflosigkeit]. Pretendemos que a análise dos recursos literários e estéticos aqui explorados contribua com algo novo para a fortuna crítica de Álbum de família que habitualmente dedica seu olhar à tragédia e aos incestos e que, com nosso trabalho, buscamos ampliar
Abstract: The urgency of political, social, and intellectual transformations in the post-war period resulted in the transgression of previously established boundaries. The limits of social conventions were blurred, allowing for the fertile expansion of borders, including those between fiction and nonfiction. From here onwards, we set out to characterize contemporary writing as our first line of interest, in which different categories, such as self-fiction, metafiction, autobiography or even other languages such as photographic material, may be used. In contemporary writing, nothing is exactly new, but rather a new way of literary construction in which both the content and the way in which the work is narrated are important. It is not uncommon for literary, or even theatrical critics to attribute to Nelson Rodrigues a central role in the renewal of Brazilian dramaturgy in the 1940s. The choice for this author and, in particular, of Álbum de família as the corpus of this study, was made when we asked ourselves about the possibility of facing an example of contemporary writing. This is, therefore, the first interrogation of this work and is based on the hypothesis that we find in this work the literary elements that reveal the features of self-fiction and hybridity of languages as strategies used by Nelson to prepare the writing of this work. The second interrogation is related to the hypothesis that the aesthetic resource that best expresses Nelson's subjectivity in Álbum de família is the helplessness in the Freudian sense of the concept [Hilflosigkeit]. As a prisoner of his peculiar perspective in which his own obsessions howl, Nelson tells us of the helplessness that structures the framework of that family. It is in this state that the affliction of all the characters is woven, especially Senhorinha in her marriage to Jonas. In her suffering, Senhorinha gets close to Medeia, an icon of the helplessness experienced in her marriage to Jasão. Medeia kills her children and takes them out of life. Senhorinha takes the lives of her children and withdraws herself from the scene. Both did not elaborate their afflictions and find themselves exiled from their affective continents. For this reason, Medeia was invited to dialogue with Senhorinha in this work. To explore the understanding of Greek tragedy and modern drama, we turned mainly to Aristotle, Peter Szondi and Anatol Rosenfeld. For our reflections on the work of literary writing itself and its authors, we looked for references in Antonio Candido, Alfredo Bosi, Décio de Almeida Prado, Umberto Eco, Jean Paul Sartre, Roland Barthes and Michel Foucault, among others. To elaborate our propositions about contemporary writing, we essentially made use of the perspectives by Ana Paula Arnaut, Linda Hutcheon and Leyla Perrone Moisés in addition to Philippe Lejeune and Serge Doubrovsky. In the chapters that psychoanalysis was addressed and, in particular, for the issue of helplessness, we mainly resorted to the postulates of Sigmund Freud in addition to some contributions by Ferdinand de Saussure and Jacques Lacan. We developed our reflections alongside them. They helped us formulate the propositions that support the aspects presented here for the reading of this corpus, namely, contemporary writing and helplessness [Hilflosigkeit]. The objective is that the literary and aesthetic resources explored here will provide something new to the critical fortune of Álbum de família, which usually dedicates its gaze to tragedy and incest and which we seek to expand by means of our work
Palavras-chave: Autoficção
Hibridismo
Desamparo
Nelson Rodrigues
Sigmund Freud
Self-fiction
Hybridism
Helplessness
Nelson Rodrigues
Sigmund Freud
CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LETRAS::TEORIA LITERARIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Filosofia, Comunicação, Letras e Artes
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária
Citação: Tavares, José Luiz Cordeiro Dias. A Medeia do subúrbio : escrita contemporânea e desamparo freudiano em Álbum de família de Nelson Rodrigues. 2022. Dissertação (Mestrado em Literatura e Crítica Literária) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2022.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/27204
Data do documento: 29-Jun-2022
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Literatura e Crítica Literária

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
José Luiz Cordeiro Dias Tavares.pdf1,42 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.