REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/27207
Tipo: Tese
Título: Por um fio: uma escuta das diásporas pulsionais
Autor(es): Santos, Kwame Yonatan Poli dos
Primeiro Orientador: Rolnik, Suely Belinha
Resumo: A colonialidade foi um incêndio que dizimou milhares de etnias, culturas e modos de existência. Todavia, ainda andamos sob as cinzas e brasas que nos queimam. Ela é uma expressão objetiva da exploração do Modo Capitalista de Produção (MCP) e, ao mesmo tempo, sua materialidade não seria possível sem estar acompanhada de um modo de produção de subjetividades que é correlato ao MCP: o Modo de Produção Colonial (MPC). Os efeitos subjetivos do MPC são verificados tanto no colonizado quanto no colonizador. Diante disso, nossas questões fundamentais de pesquisa são: o que produz a colonialidade? Podem a clínica particular e as instituições da rede socioassistencial driblarem os efeitos do MPC? Para respondê-las, é preciso cartografar, ou seja, mergulhar no campo subjetivo em que o desejo é instrumentalizado pelo MPC. Nossa hipótese é a de que o MPC não será efetivamente superado sem um trabalho voltado para a política do desejo. Nessa perspectiva, a Psicanálise é instrumento de mergulho nos processos de produção da subjetividade a fim de reavaliar os efeitos da colonialidade na obstrução dos processos de singularização. Contudo, para tanto, o discurso psicanalítico também precisa passar por uma reavaliação crítica e, portanto, clínica, em relação aos atravessamentos da colonialidade em sua práxis. Assim, pode tornar-se capaz de cartografar uma micropolítica ativa do desejo. Diante disso, o objetivo desta tese é analisar o alcance da clínica no tratamento das sequelas do MPC que, de tão profundas, estão à flor-dapele. Para tal empreitada, mergulhamos no dispositivo colonial-escravocrata. Apontamos as implicações subjetivas dos efeitos da colonialidade e sugerimos possibilidades de como agir eticamente a partir da clínica, em uma “escuta com o olhar”, que possibilita ressignificar e dar passagem a processos de singularização. Nesse sentido, nossa pesquisa extrapola o consultório particular, forja dispositivos clínicos nas políticas públicas e propõe uma perspectiva de aquilombamento a ser adotada na paisagem social. Com isso, concluímos esta pesquisa vital buscando colocar a clínica à altura de um dispositivo de aquilombamento, que se traduz em uma reorientação ética que visa um deslocamento micropolítico ativo do desejo. Ademais, através do aquilombamento da clínica, foi possível inventar zonas temporárias em que a perspectiva da produção de diferença, em processos de singularização, foi sustentada e intensificada pela tessitura de fios de vida. Constatamos, assim, que é preciso um diagnóstico ético que busque brechas no MPC para que se forje um lugar de escuta da pulsão diaspórica, na qual a produção da diferença possa retornar. Por fim, o presente trabalho foi realizado com o apoio da Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Brasil (CAPES) – Código de Financiamento 002, número de processo é 88887.163113/2018-00
Abstract: Coloniality was a fire that decimated thousands of etnies, cultures and life ways; we walk under the ashes and coal that still burns us. It Is an objective expression of the Capitalist Mode of Production (CMP) exploration and, at the same time, its materiality wouldn’t be possible without being escorted by a subjectivities way of production related to CMP, the Colonial Production Way (CPW). The subjective effects of CMP are verified on the colonized as much as on the colonizer. Therefore, our two fundamental matters are: what does coloniality produce? Can private clinics and social assistance networks escape the effects of CPW? To answer these questions it’s necessary to map, which means, dive into the subjective field where the desire is being instrumentalized by CPW. Our hypothesis is that CPW won't be effective overruled without a work directed to the desire polític; under this perspective, psychoanalysis is a diving instrument into the subjectiveness looking for revaluate the effects of colonization in the obstruction of singularity process. Nonetheless, for that to happen, the psychoanalysis speech also needs to go through a critical revaluation, therefore clinical, related to the colonial crossings within its practice; so that it is able to map the active desire micropolitics. This thesis's goal is to analyse clinics' reach in the treatment of the consequences of CPW that are so deep that they’re right on the surface. To make this happen we dive into the colonial slavery system. We point the subjectivities implications of coloniality and suggest possibilities to art in an ethical way from the clinic, listening with a look that makes possible to design and open ways to singularizations processes. In that regard, our research extrapolates the particular practice, forges clinical tools inside public politics and proposes an aquilombamento perspective to be adopted in the social landscape. We conclude this vital research looking to put the clinical practice as high as an aquilombamento. Clinical practice aquilombamento translates in an ethical reorientation that looks for a desire active micropolitical displacement. Throughout clinical practice aquilombamento it was possible to create temporary zones, where the production perspective of difference in singularization processes was sustained and intensified by the weave of life strings. We found that an ethical diagnosis that finds breaches in the CPW is needed so that a listening space is created for the diasporic pulse, in which the production of difference may return. This study was financed in part by the Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior – Brasil (CAPES) – Finance code 002, number of process é 88887.163113/2018-00
Palavras-chave: Colonialidade
Clínica psicanalítica
Ética
Aquilombamento
Coloniality
Psychoanalytic clinic
Ethic
Aquilombamento
CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::PSICOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica
Citação: Santos, Kwame Yonatan Poli dos. Por um fio: uma escuta das diásporas pulsionais. 2022. Tese (Doutorado em Psicologia: Psicologia Clínica) - Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2022.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/27207
Data do documento: 23-Jun-2022
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Psicologia: Psicologia Clínica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Kwame Yonatan Poli dos Santos.pdf1,35 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.