REPOSITORIO PUCSP Trabalho de Conclusão de Curso - TCC Trabalho de Conclusão de Curso - TCC
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/28651
Tipo: Trabalho de Conclusão de Curso
Título: Relações entre inteligibilidade de fala e reconhecimento de palavras com e sem sentido em crianças com deficiência auditiva
Autor(es): Pereira, Regiane da Silva
Primeiro Orientador: Novaes, Beatriz Cavalcanti de Albuquerque Caiuby
Resumo: Introdução: A capacidade auditiva é um conceito abstrato do potencial anátomofuncional de um sujeito a partir de exames que avaliam a integridade e/ou funcionamento dos órgãos. O desempenho está sujeito à influência de inúmeros fatores e da interação entre eles. Objetivo: estabelecer relações entre capacidade auditiva e desempenho em tarefas de percepção da fala em crianças com deficiência auditiva, visando a discutir fatores determinantes na utilização efetiva da audição residual no processo de percepção da fala. Método: Os procedimentos serão realizados no CeAC/ Derdic/PUCSP. Serão estabelecidos os Índices de Inteligibilidade de Fala (SII) para sons de entradas de 55 e 65 dBNPS de 17 crianças entre 5 a 17 anos, com perda auditiva neurossensorial usuárias de AASI bilateralmente que tenham a linguagem oral. Serão submetidas à tarefa de repetição de palavras com e sem sentido em duas diferentes intensidades (55 e 65 dBNPS). Para análise, o SII foi relacionado aos resultados obtidos em cada critério de análise, sendo que os sujeitos foram classificados em SII65>=64% e <64%. Resultados: Os sujeitos apresentaram maior dificuldade com a lista de 55dB. Foi observado que, conforme ocorre diminuição do SII (sujeitos ordenados em ordem decrescente de SII 65), o desempenho na intensidade de 55 dB também piora. O presente estudo permitiu concluir que, com a piora do SII, o desempenho do na discriminação de palavras com e sem sentido piora, principalmente nas palavras sem sentido. As diferenças entre os dois grupos (SII 65 >= 64% e <64%) pareceu indicar que há um limite no qual a dificuldade com sons menos intensos fica mais acentuada. O uso consistente do AASI também esteve relacionado ao melhor desempenho nas listas de palavras. Conclusão: Outras variáveis intervenientes no desempenho em tarefas de percepção de fala devem ser consideradas. Outros estudos são necessários, com seleção de sujeitos diferenciada, visando a identificá-las contribuindo assim para métodos terapêuticos com a população de crianças com perda auditiva. O número reduzido de sujeitos limitou a possibilidade de análise comparativa e possíveis fronteiras nos valores de SII 65 associados a consistência de uso do AASI que justifique diferentes desempenhos e devem ser abordadas em estudos futuros
Palavras-chave: Inteligibilidade da fala
Perda auditiva
Reabilitação da perda auditiva
CNPq: CNPQ::CIENCIAS DA SAUDE::FONOAUDIOLOGIA
Idioma: por
País: Brasil
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde
metadata.dc.publisher.program: Graduação em Fonoaudiologia
Citação: Pereira, Regiane da Silva. Relações entre inteligibilidade de fala e reconhecimento de palavras com e sem sentido em crianças com deficiência auditiva. 2019. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fonoaudiologia) - Faculdade de Ciências Humanas e da Saúde da Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2019.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/28651
Data do documento: 29-Nov-2019
Aparece nas coleções:Trabalho de Conclusão de Curso - TCC

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Regiane da Silva Pereira - TCC.pdf600 kBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.