???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3723
Tipo do documento: Tese
Título: Acesso e mobilidade de afro-descendentes nas organizações
Título(s) alternativo(s): Acess and mobility of afro-descendent in business organizations
Autor: Oliveira, Renato Ladeia de
Primeiro orientador: Bernardo, Teresinha
Resumo: Essa tese tem como finalidade revelar como o racismo brasileiro se manifesta nas organizações brasileiras, de capital nacional ou multinacional, a partir da percepção dos afro-descendentes, em vários níveis ocupacionais, abrangendo desde operários especializados até profissionais administrativos com formação superior. O desenvolvimento deste estudo justifica-se pela carência de trabalhos específicos nessa área, tratando especificamente do racismo no cotidiano das organizações brasileiras. A hipótese levantada questiona se as empresas nacionais seriam mais discriminadoras com relação aos afro-descendentes do que as empresas multinacionais ou transnacionais, uma vez que essas normalmente possuem programas de valorização de diversidade. Para responder a esse questionamento foram analisados os depoimentos de trabalhadores com essa identidade e também de profissionais de recursos humanos. A pesquisa está fundamentada na importância da memória e suas possibilidades para o levantamento de questões, cujo tratamento através desse recurso parece ser bastante adequado. A análise de ideologias como a democracia racial e do branqueamento nos estudos desenvolvidos nas últimas décadas foram também importantes para a fundamentação teórica da análise dos depoimentos. Os resultados apurados possibilitaram identificar outras questões proeminentes no mercado de trabalho, decorrentes dos primeiros contatos que esses indivíduos estabelecem com as organizações na procura de empregos. Nessa fase, o processo de discriminação se desenvolve por meio de mecanismos camuflados e formas sub-reptícias para evitar o ingresso de tais profissionais. Ao superarem essas barreiras, outras são engendradas, mas para dificultar a mobilidade ocupacional
Abstract: The purpose of this thesis is to reveal how Brazilian racism is present in the Brazilian organizations, from national to multinational companies, starting with the perception of afro-descendents at different occupational levels, from specialized workers up to administrative graduated professionals. The development of this project is justified by the lack of specific research within this area, in particular about racism in the daily routines from the Brazilian organizations. The hypothesis that was built is that the national companies would be more racist with afro-descendents than the multinationals or transnationals companies, once these companies have programs to minimize the racism. The reach this objective, testimonials of workers in this situation were analyzed. The research is based on the importance of memory and their possibilities to gather facts whose treatment through this resource seems to be correct. The analysis of ideologies, like the racial democracy and the whiteness, in the studies developed in the last decades, were also important to base the statements analysis. The obtained results enable the identification of other relevant questions related to afro-descendents discrimination in the jobmarket, starting from the first contact when they look for new jobs, at this time, camouflaged and fraudulent mechanisms of racism avoid the entrance of these professionals in the jobmarket. If this phase is passed by, new obstacles are created to difficult the jobmobility
Palavras-chave: Racismo
Diversidade humana
Racism
human diversity
Human resources
Discriminacao no emprego
Racismo -- Brasil
Descriminacao racial -- Brasil
Brasil -- Relacoes raciais
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::ANTROPOLOGIA::ANTROPOLOGIA DAS POPULACOES AFRO-BRASILEIRAS
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Oliveira, Renato Ladeia de. Acess and mobility of afro-descendent in business organizations. 2006. 252 f. Tese (Doutorado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2006.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3723
Data de defesa: 8-Jun-2006
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
pre-texto tese revisada II.pdf63,12 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.