???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3806
Tipo do documento: Dissertação
Título: As lutas pelas terras do senhor: A comissão pastoral da terra (CDT) no Estado de São Paulo (1990-2000)
Autor: Almeida, Antonio Alves de
Primeiro orientador: Wanderley, Luiz Eduardo Waldemarim
Resumo: Esta dissertação é o resultado de uma pesquisa de cunho teórico e empírico, referente à atuação da Comissão Pastoral da Terra [CPT] no Estado de São Paulo, na década de 1990. A CPT nasceu em junho de 1975, após vários encontros de bispos, pastores protestantes, religiosos[as] da Igreja Católica Apostólica Romana. Teve como objetivo apoiar os trabalhadores rurais nos mais diversos âmbitos, social, político, jurídico, religioso etc., denunciar a violação dos direitos humanos, lutar pela conquista da terra, e reivindicar nas mais diferentes formas a implementação da reforma agrária pelo Estado brasileiro. Por ser uma pastoral da Igreja Católica, entre tantas outras, a CPT possui particularidades e especificidades. Ligada oficiosamente à Conferência Nacional dos Bispos do Brasil [CNBB], possui uma flexibilidade maior de atuação, e o respaldo do seu público [fiéis] e de parte da Igreja Oficial. Os membros da CPT a vêem como uma pastoral de fronteira. Entendem que ser pastoral é ir aonde ninguém vai, é trabalhar e atuar junto aos pobres, marginalizados e excluídos do campo, e também da cidade. A entidade atua portanto com um universo bastante heterogêneo de trabalhadores, marginalizados e excluídos. As suas reivindicações e projetos passam por mudanças conjunturais e estruturais, no que tange à conquista da terra e à reforma agrária. Assim, é intrínseco a esta entidade o conflito, nas mais diferentes esferas, privada e pública, tendo como desdobramento os conflitos internos entre os seus membros, no plano local, regional, estadual e nacional. A CPT, por ser uma entidade ecumênica, inserida na tradição Judaica Cristã, possui como característica o uso dos símbolos e da mística nas suas celebrações, assembléias, eventos etc. A mística tem como objetivo, entre outros, animar os seus agentes de pastoral a continuarem lutando pela conquista da terra prometida e pela reforma agrária. Os limites e as potencialidades da mística na conquista dos objetivos propostos também são objeto de análise. De forma sintética, as análises da Comissão Pastoral da Terra nesta pesquisa dar-se-ão no que se refere a sua dinâmica social e aos conflitos, aos limites e potencialidades da entidade na conquista dos seus objetivos, na relevância dos usos dos símbolos e da mística para a conquista da terra e aos conflitos internos decorrentes da ocupação da terra e do tipo de relação que esta pastoral desenvolve com os movimentos sociais, mais particularmente com o Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra [MST]
Abstract: This dissertation is the result of a research of theoretical and empirical nature, referring to the actuation of the Comissão Pastoral da Terra [CPT] Pastoral Commission of Land - in the state of São Paulo, in the decade of 1990. CPT was born in June 1975, after several meetings of bishops, protestant pastors, and religious people from the Roman Catholic Church. It had as its goal to give support to rural workers in the most diverse ambits: social, political, juridical, religious etc., denounce violation of human rights, fight for the conquest of the land, and demand in the most different ways the implementation of an land reform by the Brazilian State. Being a pastoral of the Catholic Church, amongst many others, CPT has particularities and specificities. Officially linked to the Conferência Nacional dos Bispos do Brasil [CNBB] National Conference of Bishops of Brazil -, it has a greater flexibility for actuating, the support from its public [followers] and from part of the Official Church. CPT members see it as a frontier pastoral. They understand that to be a pastoral is to go where no one else goes, it is work and actuate with the poor, marginalized and excluded from the countryside, and also from the city. This entity deals therefore, with a very heterogeneous universe of workers, marginalized and excluded. Its demands and projects go through changes in its conjunctural and structural, in what refers to the conquest of land and land reform. Conflict is thus intrinsic to this entity, in diverse spheres, private and public, extending to internal conflicts amongst its members, locally, regionally, in the sate and nationally. CPT, since being an ecumenical entity, within the Jewish Christian tradition, has as a characteristic the use of symbols and the mystic in its celebrations, assemblies, events, etc. The mystic has as a goal, amongst others, to encourage its pastoral agents to keep fighting for the conquest of the promised land e for the land reform. The limits and potentialities of the mystic in the conquest of the proposed goals are also object of analysis. In a synthetic manner, the analyses of the Pastoral Commission of Land in this research will refer to its social dynamism and the conflicts, to the limits and potentialities of the entity to conquer its goals, in the relevance of the use of symbols and the mystic for the conquest of the land e the internal conflicts that result from settling in the land and the kind of relation that this pastoral develops with social movements, more particularly with the Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra [MST] Movement of the Landless Rural Workers
Palavras-chave: Igreja-CPT
ocupação da terra
mística e conflitos
church-CPT
land occupation
mystic and conflicts
Comissão Pastoral da Terra
Igreja e problemas sociais - Igreja Católica
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS HUMANAS::SOCIOLOGIA::SOCIOLOGIA RURAL
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Ciências Sociais
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais
Citação: Almeida, Antonio Alves de. As lutas pelas terras do senhor: A comissão pastoral da terra (CDT) no Estado de São Paulo (1990-2000). 2005. 209 f. Dissertação (Mestrado em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2005.
Tipo de acesso: Acesso Restrito
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/3806
Data de defesa: 14-Apr-2005
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Ciências Sociais

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
TESE.pdf4,45 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.