REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/4275
Tipo: Dissertação
Título: Mídia, cognição e poder: uma leitura corpomídia da lei Cidade Limpa
Autor(es): Pasqualini, Diógenes José
Primeiro Orientador: Katz, Helena Tânia
Resumo: O atual prefeito de São Paulo, Gilberto Kassab, foi eleito vice-prefeito na chapa de José Serra, em 2004. Quando Serra deixou o cargo, para ser governador do Estado de São Paulo, Kassab assumiu o comando administrativo do município. Ganhou notoriedade ao apresentar uma proposta polêmica, que dispõe sobre os usos da paisagem urbana no município, que foi transformada na Lei n. 14.223 de 2006 e que tornou-se conhecida como Lei Cidade Limpa . Antes de virar Lei, ainda enquanto Projeto Cidade Limpa , conseguiu pautar os meios de comunicação, fazendo com que Gilberto Kassab ganhasse destaque na mídia, força política e, de um político de carreira modesta (tinha sido vereador e deputado), conseguisse ser eleito prefeito da maior cidade da América Latina. Kassab venceu as eleições em 2008 ao derrotar dois candidatos considerados, até então, mais experientes na esfera política: o ex-governador de São Paulo Geraldo Alckmin e a ex-prefeita da capital paulista Marta Suplicy. A hipótese aqui defendida é a de que a estratégia de marketing político responsável por sua eleição foi construída a partir dessa Lei. A proposta de limpar a cidade da sua poluição visual transformou-se em uma metáfora poderosa. O conceito de limpeza corporificou a cidade ideal para se viver, livre de todos os problemas, mais humana, segura, uma cidade em ordem, limpa de seus males. Para investigar a ação dessa Lei e sua ação metafórica sobre os eleitores será empregada a Teoria Corpomídia (Katz & Greiner), que amplia o entendimento da relação entre corpo e a sua mediação com o meio e como a massificação de uma proposta de limpeza capturou as pessoas em torno de uma ideia
Abstract: The current mayor of Sao Paulo, Gilberto Kassab, was elected deputy mayor in José Serra's government in 2004. When Serra left office to become Governor of the State of São Paulo, he assumed command of the administrative municipality. He gained notoriety by presenting a controversial proposal, which became a law in São Paulo, law n. 14.233 of 2006. It became known as "Clean City Law", and determines the use of the urban landscape in the county. Upon gaining a place and providing guidelines for the media, the "Clean City Project," he gained prominence in the media, and political force, and as a politician with a modest political career, (he had been a city councilman and deputy), he went on to be elected mayor of the largest city in Latin America. He won the elections in 2008 by defeating the two candidates who were considered, up until that time, more "experienced" in politics: former Sao Paulo Governor Geraldo Alckmin and the former mayor of São Paulo, Marta Suplicy. The hypothesis argued here is that this Law gave rise to the political marketing strategy used in the election of Gilberto Kassab for the post of Mayor of Sao Paulo. The proposed "clean the city" of its visible pollution became a powerful metaphor. The cleaning concept embodied the ideal city to live in, free of problems, more humane, safe, an orderly city, free of its ills. To investigate the effect of this Law and its effect on voters the metaphorical theory Corpomídia will be used (Katz & Greiner), which expands the understanding of the relationship between the body, through its mediation and how the massification of a proposal for cleaning captured people around an idea
Palavras-chave: Lei Cidade Limpa
Gilberto Kassab
Eleições 2008
Campanha eleitoral
Marketing político
Teoria corpomídia
Clean City Law
Elections 2008
Campaign
Political marketing
Corpomídia theory
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação: Pasqualini, Diógenes José. Mídia, cognição e poder: uma leitura corpomídia da lei Cidade Limpa. 2011. 147 f. Dissertação (Mestrado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2011.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4275
Data do documento: 2-Fev-2011
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Diogenes Jose Pasqualini.pdf2,23 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.