REPOSITORIO PUCSP Teses e Dissertações dos Programas de Pós-Graduação da PUC-SP Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Use este identificador para citar ou linkar para este item: https://repositorio.pucsp.br/jspui/handle/handle/4696
Tipo: Tese
Título: Por trás da cena: as relações entre televisão e espetáculos teatrais
Autor(es): Figueiredo, Beatriz Helena Ramsthaler
Primeiro Orientador: Katz, Helena Tânia
Resumo: No Brasil das últimas duas décadas (1991-2012), as relações entre televisão e espetáculos de teatro têm por pano de fundo o entrelaçamento da mídia com as políticas públicas culturais, especificamente diante do uso da Lei Rouanet (Lei Federal de Incentivo à Cultura). Espetáculos teatrais das mais variadas naturezas são mediados por uma relação publicitária com a televisão. Muitos se estruturam em torno do ator de projeção nacional (quase sempre fabricado pelas estruturas midiáticas), tanto para captação de recursos quanto para garantir a divulgação ou a adesão da plateia. A mídia se apropria dos fazeres culturais e lhes atribui valores que devem ser trazidos à luz para serem discutidos pelos agentes sociais que pensam, usufruem dessa cultura, fazem e criam manifestações artísticas por meio dos mecanismos de apoio à cultura no País. A questão que guia essa investigação é que uma economia baseada no incentivo fiscal constrói socialmente certos valores simbólicos para a cultura, em uma operação que termina regulando a sobrevivência desse segmento artístico por conta do tipo de significação social que promove. A hipótese é que os meios de comunicação normatizam a expansão de certos tipos de teatro, e a televisão aberta brasileira tem aí um papel específico, que produz um traço mercadológico que impacta a produção teatral no País. Nesse sentido, a mídia tem atuado de forma semelhante à do parâmetro da seleção natural no processo de evolução explicado por Charles Darwin, em 1859. Para explorar essa hipótese, será convocada a Teoria Corpomídia (Katz & Greiner), que pleiteia uma relação de codependência entre corpo e ambiente, que aqui será transformada no eixo estruturador da bibliografia sobre televisão (Arlindo Machado e Elizabeth Bastos Duarte), mídia (Siegfried Zielinsky e Armand Mattelart), políticas culturais (Leonardo Brant, Antonio Albino Canelas Rubim e Lia Calabre) e cultura (Amálio Pinheiro, Néstor Garcia Canclini, Boaventura de Sousa Santos e Serge Gruzinsky). A metodologia será a revisão bibliográfica para tornar possível construir uma leitura crítica sobre a relação cultura-comunicação, que se manifesta em alguns estudos de caso, de modo que a diversidade cultural seja mantida e respeitada em um país que se destaca por essa característica
Abstract: Over the past two decades in Brazil (1991-2012), the scenario involving the relationship between television and theatrical performances comprises the intertwining of media with public cultural policies, specifically in view of the enforcement of the Rouanet Law (Federal Law for the Promotion of Culture) . Theatrical performances of various natures are mediated by a publicity relationship with television. Many are structured considering the actor of national recognition (often produced by the media structures), both for funding and for ensuring the dissemination or accession of the audience. The media takes over the cultural duties and assigns them values that should be brought to light to be discussed by the social agents who think, use, produce and create the mechanisms that support culture in the country. The question guiding this research is that an economy based on tax incentive socially builds certain symbolic values for culture, in an operation that ends up regulating the survival of this artistic segment due to the type of social significance that it promotes. The hypothesis is that the media standardize the expansion of certain types of theater, and the Brazilian broadcast television has a specific role, which produces a market trait that impacts the theatrical production in the country. In this sense, the media has acted similarly to the parameter of natural selection in the evolution process explained by Charles Darwin, in 1859. To explore this hypothesis, we adopted the Bodymedia Theory (Katz & Greiner), which pleads a relationship of codependence between body and environment, which in this study will be transformed into the structural axis of the literature on television (Arlindo Machado and Elizabeth Bastos Duarte), media (Siegfried Zielinsky and Armand Mattelart), cultural policies (Leonardo Brant, Antonio Albino Canelas Rubim and Lia Calabre) and culture (Amálio Pinheiro, Néstor Garcia Canclini, Boaventura de Sousa Santos and Serge Gruzinsky). The methodology is that of the literature review to make it possible to build a critical reading of the culture-communication relationship that is expressed in some case studies, in a way that cultural diversity is maintained and respected in a country that stands out for this characteristic
Palavras-chave: Televisão e teatro
Políticas culturais
Corpomídia
Lei Rouanet/Procultura
Marketing cultural
Television and theater
Cultural policies
Bodymedia
Rouanet/Proculture Law
Cultural marketing
CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Editor: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da Instituição: PUC-SP
metadata.dc.publisher.department: Comunicação
metadata.dc.publisher.program: Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação: Figueiredo, Beatriz Helena Ramsthaler. Por trás da cena: as relações entre televisão e espetáculos teatrais. 2015. 269 f. Tese (Doutorado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de Acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4696
Data do documento: 16-Jun-2015
Aparece nas coleções:Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

Arquivos associados a este item:
Arquivo Descrição TamanhoFormato 
Beatriz Helena Ramsthaler Figueiredo.pdf1,31 MBAdobe PDFThumbnail
Visualizar/Abrir


Os itens no repositório estão protegidos por copyright, com todos os direitos reservados, salvo quando é indicado o contrário.