???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4709
Tipo do documento: Tese
Título: O corpo como posicionamento de marca na comunicação empresarial
Autor: Bambini, Simone Ribeiro de Oliveira 
Primeiro orientador: Katz, Helena Tânia
Resumo: As organizações empresariais tendem a ignorar que o corpo humano, porque troca informações com os ambientes nos quais vive, torna-se corpomídia (KATZ & GREINER) dos processos de comunicação com o seu entorno. Ao mesmo tempo, porque descobriram o corpo como um poderoso agente publicitário, vêm reconfigurando suas condutas com relação a seus funcionários. O corpo ganhou maior representatividade no discurso empresarial e as empresas se apossaram dos corpos dos seus funcionários fora dos seus limites geográficos, materializando que as delimitações entre trabalho e lazer se borraram. Este projeto faz do papel do corpo na comunicação da cultura empresarial o seu objeto e parte da hipótese de que por entender o corpo como um recipiente no qual as informações são depositadas para serem retransmitidas, a cultura empresarial lida com o corpo de seus funcionários como um mecanismo de transmissão da imagem pública que deseja propagar. O objetivo é investigar como a comunicação interna se torna parte da biopolítica que hoje nos governa, ganhando visibilidade externa ao fazer do corpo de seus funcionários um agente relevante nessa operação, que mantém estreita relação com os valores que pautam o mundo do consumo (LIPOVETSKY & SERROY, 2011). A metodologia reúne revisão bibliográfica e uma pesquisa exploratória com médicos diretamente vinculados às empresas Unilever, Johnson & Johnson e Editora Abril e médicos a elas não vinculados, realizada através de entrevistas, tendo como principais referências teóricas as obras de Giorgio Agamben (2002, 2004, 2007, 2009); Esposito (2007, 2009, 2010), a Teoria Corpomídia (KATZ & GREINER, 2001, 2003, 2005, 2007, 2009, 2010, 2011, 2013), Damásio (1998, 2000, 2004); Pinker (2004) o entendimento de felicidade de Freire Filho (2011) e Richard Sennett (2006, 2011)
Abstract: The corporate culture tends to ignore that the human body exchanges information with the environment where it is inserted and, consequently, it becomes a bodymedia (KATZ & GREINER) between the communication process and its surroundings. At the same time, the conduct regarding to the employees has been reconfigured due to the fact that the body was discovered as a powerful advertising agent. The body has gained a major representation within the business speech, and the companies have held the employees body beyond the geographic limits. As a result, the delimitations between leisure and labor have become a blur. The target project focus on the body role in the organizational communication, and as part of this understanding the body is considered as a container in which the information is supposed to be deposited and retransmitted. According to this point of view, the organizational culture deals with the employees body as a transmission mechanism of the public image which is desired to be disseminated. The aim of the project is to investigate how the internal communication becomes part of the biopolitics that heads us nowadays. As a result, the internal communication gains external visibility when the employees bodies are used as a relevant agent that maintains a close relation with the values that guide the consumer world (LIPOVETSKY & SERROY, 2011). The methodology includes a bibliography review and an exploratory research by means of interviews with doctors directly linked to the companies Unilever, Johnson & Johnson and Editora Abril and also with doctors who are not linked to those companies. It also has some theoretical reference based on the works by Giorgio Agamben (2002, 2004, 2007, 2009); Esposito (2007, 2009, 2010), the Bodymedia Theory (KATZ & GREINER, 2001, 2003, 2005, 2007, 2009, 2010, 2011, 2013), Damásio (1998, 2000, 2004); Pinker (2004) the understanding of happiness according to Freire Filho (2011) and Richard Sennett (2006, 2011)
Palavras-chave: Comunicação empresarial
Corpo e consumo
Corpo na empresa
Corpomídia
Propaganda e marketing
Corporate communication
Body and consumption
Body in the company
Bodymedia
Advertising and marketing
Área(s) do CNPq: CNPQ::CIENCIAS SOCIAIS APLICADAS::COMUNICACAO
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Comunicação
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica
Citação: Bambini, Simone Ribeiro de Oliveira. O corpo como posicionamento de marca na comunicação empresarial. 2015. 120 f. Tese (Doutorado em Comunicação) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2015.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/4709
Data de defesa: 30-Jun-2015
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Comunicação e Semiótica

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Simone Ribeiro de Oliveira Bambini.pdf860,94 kBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.