???item.export.label??? ???item.export.type.endnote??? ???item.export.type.bibtex???

Please use this identifier to cite or link to this item: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13663
Tipo do documento: Tese
Título: Análise das características rítmicas e melódicas da leitura de um diálogo em inglês por aprendizes brasileiros
Autor: Mauad, Sergio Augusto 
Primeiro orientador: Madureira, Sandra
Resumo: A prosódia, pela interação que estabelece com os segmentos fônicos, é um dos elementos a ser considerado na investigação do sotaque estrangeiro. Neste estudo, tenho como objetivo investigar, com apoio na análise fonético-acústica, dois elementos prosódicos: o ritmo e a entoação, contrastando as produções de fala de duas brasileiras e de duas norte-americanas na leitura de um diálogo em inglês. O ritmo, que implica em regularidade e estruturação ao longo do tempo, exerce papel relevante no discurso oral. A entoação, a melodia da fala, organiza o fluxo sonoro e expressa modalidades, emoções e atitudes. No caso de falantes aprendizes de uma língua estrangeira, são grandes as possibilidades de transferência de padrões prosódicos da língua materna. Neste trabalho, os padrões rítmicos e entoacionais das sentenças de um diálogo são contrastados com o apoio da análise fonético-acústica, utilizando-se o software PRAAT. A extração de medidas contempla a duração, em milisegundos, das unidades V-V, sílabas, pés rítmicos e vogais plenas em adjacência, bem como marcações de f0 em alvos específicos do contorno entoacional: os pitch accents. A fundamentação teórica para o ritmo do inglês norte-americano baseia-se na Teoria de Pitch Accent, proposta por Bolinger. Para a notação dos padrões entoacionais, é utilizado o sistema ToBI (Tones and Break Indices) e, para o tratamento estatístico dos dados, o teste ANOVA e o índice de variabilidade. Foram constatadas diferenças significativas (p<,05) entre as produções de fala dos sujeitos norte-americanos e brasileiros em relação à duração média relativa de sílabas e unidades V-V e diferenças em relação ao índice de variabilidade dos pés silábicos. Também foram constatadas nas produções das brasileiras interferências de L1 em relação à tonicidade, junturas, qualidade vocálica e processos de redução e elisão segmental que afetaram a estrutura rítmica dos enunciados. Em relação à entoação, observou-se, nas emissões das norte-americanas, a ocorrência, de forma mais sistemática, do fenômeno de downstep, e, nas produções das brasileiras, a ocorrência produtiva dos tons L*+H e L+H*, o que afeta a produção de sentidos. Com o desenvolvimento deste trabalho, pretendo contribuir para aprofundar os conhecimentos sobre o ritmo e a entoação no contexto de ensino de inglês para brasileiros
Abstract: Due to its interaction with the sound segments, prosody is one of the elements to be considered when investigating foreign accent. In this study, the speech patterns of a dialogue read by two Brazilians and two Americans are contrasted, and two prosodic elements are investigated: rhythm and intonation. Speech rhythm, which refers to a temporal patterning of elements in the flow of speech, plays a relevant role in discourse. Intonation, the melody of speech, organizes the flow of speech and expresses modalities, emotions and attitudes. In the case of L2 speakers, it is very likely that certain prosodic patterns of L1 will be transferred to L2. In this study, the rhythmic and intonational patterns of a read dialogue are contrasted through acoustic-phonetic analysis by means of the PRAAT software. The acoustic data comprises duration measuraments of V-V units, syllables, feet and adjacent full vowels, as well as pitch accent markings. The analysis of the rhythm of American English is mainly based on Bolinger&#8223;s Pitch Accent Theory. ToBI (Tones and break índices) is used for the tonal labelling, and ANOVA and the variability index for the statistical treatment of the data. Results point to significant differences (p<.05) in syllable and V-V unit duration means, and differences in the variability index of the syllabic feet. The rhythmic structure of the utterances produced by the Brazilian subjects was affected by L1 transfer of tonicity, juncture, vowel quality as well as processes of segmental reduction and elision. As regards intonation, it was observed, in the productions of the American subjects, a systematic occurrence of the phenomenon of downstep, and, in the productions of the Brazilian subjects, a productive occurrence of L*+H e L+H* tones, which affected the production of meaning. With this study, I wish to contribute to the research on the teaching of rhythm and intonation to Brazilian speakers of English
Palavras-chave: Prosódia
Ritmo
Inglês
Entoação
Ensino de línguas
Fonética
Prosody
Rhythm
English
Intonation
Language teaching
Phonetics
Área(s) do CNPq: CNPQ::LINGUISTICA, LETRAS E ARTES::LINGUISTICA::LINGUISTICA APLICADA
Idioma: por
País: BR
Instituição: Pontifícia Universidade Católica de São Paulo
Sigla da instituição: PUC-SP
Departamento: Lingüística
Programa: Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem
Citação: Mauad, Sergio Augusto. Análise das características rítmicas e melódicas da leitura de um diálogo em inglês por aprendizes brasileiros. 2014. 186 f. Tese (Doutorado em Lingüística) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, São Paulo, 2014.
Tipo de acesso: Acesso Aberto
URI: https://tede2.pucsp.br/handle/handle/13663
Data de defesa: 13-Mar-2014
Appears in Collections:Programa de Estudos Pós-Graduados em Linguística Aplicada e Estudos da Linguagem

Files in This Item:
File Description SizeFormat 
Sergio Augusto Mauad.pdf2,63 MBAdobe PDFThumbnail

Download/Open Preview


Items in DSpace are protected by copyright, with all rights reserved, unless otherwise indicated.